#Resenha Ligeiramente Seduzidos #4

Oi amigos, hoje tenho mais uma resenha de Romance de Época, desta vez é da série feita pela Mary Balogh que está sendo publicado pela Editora Arqueiro:
Ligeiramente Seduzidos - Mary Balogh
Gervase Ashford, o Conde de Rosthorn estava se sentindo um peixe fora d'água depois de ficar fora da Inglaterra por nove longos e dolorosos anos. Gervase que estava pronto para seguir os passos do pai, acabou caindo em uma trama diabólica em que não conseguiu se defender. Seu pai, sem lhe dar nenhuma chance de explicação, o mandou embora de casa, e com a vergonha e culpa em suas costas, ele ficou vagando por vários países, sem nunca se sentir em casa. Tudo isso por culpa de Marianne e do terrível e frio Wulfric Bedwyn, o Duque de Bewcastle
Ainda amargurado e querendo vingança, ele conheceu Morgan Bedwyn, a bela irmã caçula de Wulfric, que acabara de debutar e era a menina dos olhos dos solteiros de plantão. Ela seria a chance de Gervase atingir seu grande desafeto...
- Aceite minhas congratulações, capitão. - disse o conde. - Mas me sinto na obrigação de desfazer um possível mal-entendido de sua parte. Não estou convidando-o para dançar.
Mas ele acabou se surpreendendo com a jovem quem mesmo tendo apenas 18 anos era bem mais madura do que ele poderia imaginar.
Morgan estava cansada de ter que fingir-se de sonsa e acéfala quando uma guerra estava em eminência. Ela queria saber dos fatos e não ser tratada como mais uma fútil cabeça de vento.
Quando Gervase se aproximou dela, ela percebeu as intenções do belo e interessante conde, e decidiu reverter o jogo a seu favor. Afinal ela poderia lidar com o flerte de um notório libertino.
Gervase procurava apenas envolver a jovem para que algum comentário chegasse aos ouvidos do irmão, enquanto Morgan queria provar que mesmo jovem não cairia nas garras de um conquistador tão fácil.
Então a guerra estourou, e tudo mudou...
Querendo ajudar do jeito que podia, Morgan colocou a mão na massa e passou a cuidar de todos os soldados feridos que chegavam. Sem frescuras ou qualquer tipo de distinção, ela passou horas e dias deste jeito. Este também era o jeito que ela tinha para não pensar no sumiço de seu irmão Alleyne, que tinha ido ao fronte de batalha de Waterloo para entregar uma carta do Rei Stuart.
Alleyne que era um diplomata, voltaria logo para assim poder levar Morgan em segurança para casa. Mas isso não ocorreu, e sem notícias do irmão ela se negara a partir com os Caddick, a quem estava sob os cuidados durante a temporada em Bruxelas. Eles não queriam ficar nem um minuto a mais, pois queriam que seu filho Gordon, ferido em batalha, fosse consultado por um especialista. Não ajudava também o fato de Gordon ter deixado claro ao longo de toda temporada o interesse dele em Megan.
Decidida a romper os costumes, ela compra a briga e não acompanha os Caddick. Contando com a ajuda de Gervase, ela fica em Bruxelas. Enquanto Gervase procura por Alleyne, Megan segue cuidando dos feridos. É neste momento que ambos percebem que o outro é muito mais do que a fachada apresenta. Eles se tornam amigos, e é em Gervase que Morgan procura apoio quando recebe a notícia da morte de seu amado irmão.
Arrasada, e tendo que voltar para casa para avisar aos irmãos sobre a morte de Alleyne, é Gervase que novamente lhe ajuda, levando-a em segurança até Wulfric...
Sem saber do passado em comum dos dois, e ainda triste pela morte do irmão, Morgan vê Gervase sair de sua vida como se nunca houvesse feito parte dela. Mas mal sabe ela dos planos dele...
Ciente dos comentários envolvendo ele e Morgan, Gervase procura Wulfric para pedir Morgan em casamento, o que logicamente Wulfric negou de cara e sem segundas chances. Satisfeito por ter irritado Wulfric, Gervase quer mais, e arquiteta mais um plano para que Morgan e ele fiquem mais ligados.
Na realidade, ele não queria prejudicar Morgan, estava querendo apenas algumas fofocas sobre os dois. Mas o passo que deu foi maior que a perna, e agora Morgan estava na boca da sociedade. Apesar disso, Wulfric não aceita seu novo pedido pois ele não iria fazer sua irmã se sacrificar em nome dos "bons costumes". Mesmo assim, ele deixaria a própria irmã decidir sobre seu futuro.
Sem entender os próprios sentimentos em relação a Morgan, Gervase quer ajudá-la a sair deste escândalo. Mas estamos falando de Morgan Bedwyn... Ela não vai aceitar que a sociedade lhe diga ou pior, imponha o que ela deve fazer, e agora que está ciente das manobras de Gervase, é ela quem vai ditar as regras para ele.
- Errado mais uma vez. Eu vou cortejá-lo, lorde Rosthorn. Farei com que se apaixone por mim, então partirei seu coração.
Gervase não faz a mínima força para fugir da vingança de Morgan, o que ele quer mesmo é convencê-la de seus reais e verdadeiros sentimentos. Sua missão não será nada fácil, pois Morgan deixou claro que sua intenção é fazê-lo se apaixonar para depois romper com ele, e que ela não confia nenhum pouco nas palavras do Conde.
A vingança de Morgan seria de fato colossal, pensou ele.  
Nesta luta de egos e corações quem será o vencedor?
A série de Balogh continua muito boa, e que é fã do gênero não pode deixar de ler. Foi bonito ver como nasceu os sentimentos entre Morgan e Gervase.

10 comentários:

  1. oi Rose, comprei esse livro e estou prestes a começá-lo, mas ja é uma história pela qual tenho um ótimo pressentimento
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila, é uma delícia de leitura, vai gostar.
      Bjs, Rose

      Excluir
  2. Ai, Rose.
    Assim minha lista de desejados fica cada vez maior! rs...
    Adorei saber que a série ainda continua boa!
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa lista nunca diminui, já até perdi as esperanças :)
      Bjs!

      Excluir
  3. Amooooooo Romances de Época e as escolhas da Arqueiro são muito acertadas. Eu tenho os dois primeiros livros dessa série e pretendo ler logo, logo. To terminando as dos Bridgertons e primeiro. Como sempre a sinopse já dá uma coçadinha pra ler e adorei a resenha. Sem enrolar nem comentar demais. No spoiler xD

    www.cantaremverso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Grazi, Os Bridgertons são ótimos também, e tenho certezza que os Bedwyns também vão conquistar seu coração.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  4. Oiii Rose, tudo bem?
    Infelizmente essa obra não desperta muito meu interesse, não consigo me agradar muito de romances de época, sua resenha está fabulosa <3
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Morgana, uma pena que você não gosta, mas faz parte.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  5. Olá, os romances de época estão em alta. Comprei alguns livros dessa série para a minha mãe, pois ela adora a temática, estou aguardando eles chegarem e quem saiba eu não leia também. Parabéns pela resenha!

    Abraços

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.