#Resenha Gregor e As Marcas Secretas #4/5

E pra quem está acompanhando minhas resenhas da série As Crônicas do Subterrâneo da autora Suzanne Collins, pode ficar feliz, pois hoje vou falar de mais um volume:


Gregor e as Marcas Secretas #4 As Crônicas do Subterrâneo - Suzanne Collins
304 página - Editora Galera Record
Primeiro de tudo: não leiam a sinopse desse livro, há um grande spoiler nela.
Todos sabem o tanto que estou amando essa série e tenho a dizer que cada vez ela fica melhor, a cada livro. Uma pena esse livro ser o quarto volume, só falta um para o término e não estou feliz com isso, não estou preparada para dar Adeus aos maravilhosos personagens criados por Suzanne Collins.
Desde o livro anterior vemos que todos os acontecimentos possuem muito mais coisas envolvidas do que revelado inicialmente, e de início as profecias possuíam a intenção de orientar os humanos para sua sobrevivência, mas aqui é revelado algo importante, e é óbvio, não vou contar!
Em cada resenha sempre coloquei um pouquinho da história narrada de cada livro, uma iniciação do que vocês teriam ao ler, então vamos ver o que Gregor e Boots vão aprontar agora?
Gregor tem um passe livre (que não posso contar o motivo) para o subterrâneo desde o final do livro anterior, na verdade, toda família é autorizada a ir ao subterrâneo.
Em uma dessas “visitas ao povo de Regália”, a Rainha recebe um pedido de ajuda em uma festa, só Gregor vê o ocorrido e claro, sugere ir com ela para verificar. Mas, precisam mentir para sair dos arredores de Regália, afinal ninguém iria deixar sua Rainha desprotegida. Então, os dois inventam que vão sair para um piquenique, na saída Howard os aborda e atrapalha sua saída, afinal ele deseja ir a esse piquenique, logo Vikus aparece e acha tão legal a ideia do piquenique que manda todos irem, até algumas crianças, entre elas está Boots. A confusão inicia-se ai, eles não iriam a nenhum piquenique, mas iriam a um local perigoso para verificar o que tem ocorrido com os camundongos que estão sumindo e marcas estranhas têm sido deixadas nos locais, e agora tem de arrastar duas crianças com eles.
Nessa altura do campeonato, após todas as outras profecias, Gregor cresceu muito, e nesse livro ele mostra isso, aqui ele está bastante reflexivo, não de forma ruim, mas observando tudo o que passou e pesando o que compensa ser feito ou não. Ripred continua Ripred, o Ratão que não liga para nada e ninguém, mas ajuda todos e ao meu ver tem um coração de ouro – pelo menos até aqui ou até ele arrancar a cabeça de um dos amigos, afinal, nenhum rato é confiável.
Howard está de volta, agora é estudante de medicina, vai ser médico – e ajuda muito com o que já aprendeu -, ainda não se vinculou a nenhum morcego, mas há a linda Nick, a princesa morcego que a cada aventura fico mais apaixonada pela atitude que ela tem com todos. Aparecem novos personagens aqui e a volta de outros como os dois vagalumes que tanto odiei anteriormente. Um dos novos personagens é a morcega moleca Thalia, que é apenas um bebê, mas tem um espírito livre e linda. Boots continua
crescendo, e começa aprender a entender que há momentos em que não há como alguém que se ama retornar, a morte não passa desapercebida para a pequenina do grupo. Há outros personagens, mas não posso dizer, o melhor nesse livro são as surpresas.
A escrita da autora continua leve, e passa uma sensação descompromissada, mas ela trabalha nesse descompromisso e quando se dá conta está em situações complexas com os personagens, fazendo com que torça por uns e chore por outros.
"- Não, não! – disse... com uma voz estridente. – É uma das marcas secretas. ...
- Uma forma oculta de comunicação. Um antigo conjunto de símbolos que eram usados para passar informações aos aliados e que era desconhecido pelos inimigos – disse Howard. ...
- E quer dizer uma coisa ruim? – disse Gregor, indicando a marca com a cabeça.
- Significa morte - ...
- Quer dizer que alguém vai morrer ? - ...
- Não alguém, simplesmente - ... – Mas nós! Quer dizer que nós, que vimos a marca, vamos morrer!"
De todos os livros a marca registrada nesse é que não estão sendo guiados por uma nova profecia, mas pelas marcas secretas que apontam para a próxima aventura e encerramento da série. Os personagens trazem toda a bagagem das experiências anteriores, e começam a perceber que tudo é muito mais complexo do que pensavam, enquanto uns veem que lutar não resolve tudo, outros vão precisar decidir entre ser pacífico ou guerrear, não há nenhuma alternativa quanto a isso.
Como em todos os outros livros há uma linda mensagem nesse e que todos sentem na pele durante toda a aventura.
Agora é aguardar o próximo e último livro da série. Fico com medo do que vai ocorrer, dos personagens que morrerão – sempre a autora mata algum – torço para não ser nenhum dos que amo, o difícil é não amar algum – então, que morram os vagalumes! Infelizmente não é bem o que desejo o que ocorre, infelizmente.
Essa série se tornou uma das minhas preferidas até agora, estou esperando o final para ver se continua, e espero que sim, não acredito que a autora tenha estragado a série no último livro. Quem tem filhos na pré-adolescência e adolescentes seria bom dar uma olhada nessa série, mas ela não é tão infantil a ponto de adultos não amá-la. Compensa ser lida!
Gostaram? Perderam as resenhas anteriores? Então cliquem abaixo:

8 comentários:

  1. oi flor, ja li muita coisa a respeito dessa série, mas não dei grandes atenções por justamente achá-la infantil demais para meu gosto, mas minhas conjecturas foram quebradas pelas suas resenhas
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila, eu estou acompanhando a série justamente por conta das resenhas da Olívia e estou cada vez mais interessada.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  2. Ainda não comecei a ler essa série! Que bom que os livros não “caíram de qualidade”… fico feliz de vc ter gostado desse volume da série, a história em si não decepcionou, né? Acho que o mais triste é acompanhar uma série é perceber que o autor se perdeu pelo caminho. Tomara que o próximo livro não demore muito pra chegar aqui e que encerre a série de modo satisfatório! o/

    Beijos,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clarice,concordo com você, e isso não é difícil de acontecer, ainda mais com uma série longa. Que bom que aqui está indo tudo bem.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  3. Oiii, não conhecia esse livro da autora :o
    Achei bem interessante, quem sabe ele vá para a lista de leitura!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgana, pelo que tenho acompanhado das leituras da Olívia, a série e muito boa.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  4. Oláá
    Bela resenha mas o livro não é o gênero que curto ou costumo ler então vou deixar a dica passar, achei essa capa muito legal e vou anotar a dica para alguns amigos que irão curtir

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.