Gripe x Dengue: Suas Diferenças


Oi amigos, hoje vou explicar um pouco sobre as diferenças existente entre gripe e dengue, visto que aqui em São Paulo estamos com uma verdadeira epidemia desta doença, por conta do estoque desenfreado e sem cuidados básicos que a população anda fazendo com a água.

Muitas pessoas acabam confundido, visto que os sintomas são bem parecidos, o que acaba causando uma corrida desenfreada a ambulatórios e hospitais. Eu mesma não sabia diferenciar uma da outra, e meus filhotes acabaram me explicando o que aprenderam na escola. Então, pensando nisso, vi que assim como eu, muitos podem ter estas dúvidas, então resolvi postar uma tabela com estas diferenças, acompanhem:
Vale lembrar que isso é apenas uma simplificação das diferenças, qualquer dúvida é muito importante que se procure o médico.
Espero que o post tenha ajudado.
a Rafflecopter giveaway

42 comentários:

  1. Olá Rose!!
    ótimo Post ,e a tabelinha explicativa é ótima, tirei muitas dúvidas através dela; aqui em João Pessoa-PB , esta com um surto um tanto peculiar a dengue que é A Febre Chikungunya é uma doença parecida com a dengue , e também o Eritema infeccioso,causada pelo parvovírus humano B19, mais nada alarmante , mais é sempre bom essas informações sem sobra de dúvidas procurar um médico.
    ótimo post... ^.~
    Bom finalzinho de domingo. :]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clarice, estou acompanhando sobre a Chikungunya, e os casos tem sido alarmantes também.
      Bjs, Rose

      Excluir
  2. post super importante amiga, com a evolução da dengue isso é bem comum de confundir com outras doenças!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila, e esta confusão tem deixado todos preocupados.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  3. Rose!
    Impor saber as diferenças, principalmente agora que tem outra variação dengue e a febre chycumbunha.
    Tanta doença transmitida apenas por um mosquito...
    Desejo uma semana de concretizações pessoais!
    “O amor é de essência divina e todos vós, do primeiro ao último, tendes, no fundo do coração, a centelha desse fogo sagrado.” (Allan Kardec - O Evangelho Segundo o Espiritismo)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fala amiga! Pego no pé das crianças para usarem repelente.
      Bjs,Rose.

      Excluir
  4. Oi Rose, tudo bem? Post muito importante e bastante útil. As vezes é difícil mesmo diferenciar um do outro, já sabia de alguns desses sintomas, principalmente que com dengue a gente não fica com dor de gargante e não apresenta tosse, mas sempre é importante relembrar, visto que está começando uma nova epidemia. Graças a Deus nunca tive e espero nunca ter.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafa, com tantas variações da doença, está cada dia mais difícil saber. Espero que não pegue mesmo.
      Bjs,Rose.

      Excluir
  5. Já tive Dengue duas vezes. Da primeira vez demoraram muito descobrir o que era e fiquei muito mal. Da segunda, devido os sintomas, já sabia do que se tratava antes mesmo do exame para confirmar.
    Um grande problema, pois precisa da conscientização de todos, e nem todos tem, pensam que é brincadeira e não é. Só quem já teve que sabe o que é ter.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cinthia, confesso que não sabia que era possível pegar mais de uma vez. Vou ver se encontro um tempo para fazer uma postagem mais profunda sobre a dengue e agora suas variações.
      Bjs!

      Excluir
  6. Nossa, que post informativo e lindo!
    Você aprendeu com seus filhos e repassou para seus leitores e leitoras.
    Nunca tive dengue e espero não ter, agradeço pela informação e seus filhos estão super bem na fita, inclusive a escola deles.
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lilian, realmente não tenho do que reclamar da escola. Saúde para todos nós!
      Bjs, Rose.

      Excluir
  7. Post utilidade publica. Vi ontem que Brasília a dengue está considera como epidêmica Fiquei com muito medo de adoecer.
    Já vi casos na minha família e sei o quanto é difícil.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Senão me engano, temos 4 estados com epidemias da doença. A situação está bem delicada, ainda mais com as variações da dengue que tem surgido...
      Bjs, Rose.

      Excluir
  8. Oi, Rose.
    Adorei as informações!
    A coisa aqui em São Paulo está mesmo feia, né?!
    beijos
    Camis - Blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fala Camis, tenho uma lata de repelente só para os meninos, e mesmo assim não me sinto segura.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  9. Oi, Rose.
    Que post bacana, eu não sabia a diferença entre gripe e dengue, tanto que meu irmão estava gripado e foi correndo para o hospital para saber o que era, pois a dengue é algo bem perigoso que está atacando todo mundo aqui na minha cidade e o medo dela aumentou depois que perdemos um ente querido para esse mosquito :'( Enfim, eu vi que a dengue tem vários sintomas e como ela não tem uma cura certa, acho que o governo devia conscientizar da melhor forma a população, porque muita gente acha que a dengue não é nada grave e na verdade é algo gravíssimo, né?

    Beijos :*
    Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa, muito grave mesmo. Aqui em SP o governo faz campanha durante o ano inteiro, não dá para falar que eles não avisam a população em como combater o problema. A coisa piorou muito por conta da seca que estamos enfrentando.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  10. Gostei da postagem, muito instrutiva
    apesar que nunca confundi dengue com gripe,
    mas em compensação surgiram aqui onde eu moro duas outras doenças be semelhantes a
    dengue e causadas pelo mesmo mosquito.
    é sempre bom ficar atenta. Beijos
    Conversas de Alcova ❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi kris, estas variações da doença estão piorando a situação que já é crítica.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  11. Olaaa
    Adooorei o seu post, muito bom apoiar e previnir, mostrar as pessoas a diferença, legal mesmo sabe sobre isso e espero pegar somente gripe hahaa

    Beijos
    Reality of Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Catharina, nesta altura do campeonato, eu não quero pegar é nada...
      Bjs, Rose.

      Excluir
  12. Oi Rose, tudo bem?
    Post muito importante.
    E com essa quantidade de casos de dengue é bem importante ficarmos informadas e alerta.
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Angélica, é verdade, quanto mais informações, mas chances de superarmos logo este problema.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  13. Oi Rose, graças a Deus nunca tive dengue, mas em comparação gripe, eu tenho quase toda a semana! HHA, acho muito bom essa sua ideia de fazer um post explicando tudo direitinho, porque muita gente não sabe, ou tende a confundir as duas!
    Beijos
    cheireiumlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luana, ainda bem que faz um tempo que não pego gripe, e espero que continue assim.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  14. Adorei o post, muito importante!
    Eu mesma peguei dengue e achei que era um resfriado e me mediquei, graças a deus não aconteceu nada de pior,
    Bjus

    ResponderExcluir
  15. Oi Rose...
    Que post sensacional, parabens.
    É muito importante mesmo postar essa diferença porque tem muita gente confundindo e a dengue não é brincadeira e ultimamente está mega arriscado.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mayara, é verdade, e o pior é que nós mesmo estamos contribuindo para aumentar o problema.
      Bjs, Rose

      Excluir
  16. Olá =)

    Gostei da utilidade pública, tive alguns sintomas da dengue, mas como não apareceram mais sintomas, descartaram a possibilidade. Aqui na minha cidade está um surto bem grande.

    Beijos,
    http://www.estantedarob.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rob, que bom que foi alarme falso. Estes surtos estão se espalhando ainda mais.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  17. A dengue é sempre um perigo. Importante ressaltar essas diferenças entre a gripe comum e a dengue, principalmente porque muitos medicamentos que tomamos para a gripe comum pode ser muito perigoso para casos de dengue hemorrágica, por exemplo.
    E não esquecer de sempre bater na mesma tecla de não deixar objetos acumulando água para evitar a proliferação do mosquito!
    Muito pertinente sua postagem! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Samy, é verdade, as pessoas estão muito descuidadas, o que tem ajudado no aumento do problema. Aqui em SP, fazem campanha direto, mas não está adiantando.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  18. Oi!

    Adorei muito o post, é sempre bom sabermos estas coisas :) por isso gostei muito e adorei a tabelinha :)

    PArabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanto mais informações, maiores são as chances de diminuirmos estes surtos.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  19. Parabéns pela iniciativa do post, foi muito útil, precisamos mesmo ficar mais atentos e
    concientizados sobre essas diferenças, pois assim evita mortes desnecessárias!
    Perfeito!!!
    Bjkas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani, sem dúvida, ainda mais quando temos o costume da automedicação.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  20. Oie, tudo bom?
    Gostei bastante do post porque é sempre importante informar a população -porque as pessoas confundem. Aqui em Brasília estamos com surto de dengue em algumas cidades e é bem preocupante.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estes surtos estão se espalhando, o que é mais preocupante.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  21. Oiee, tudo bem?

    Sempre importante alertar sobre a Dengue. Já tive suspeita, mas, felizmente era só suspeita e acabou sendo uma amigdalite. Mas, claro, sempre é válido ir ao médico para maiores informações e, principalmente, para uma medicação adequada.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que foi só suspeita. Informação é muito importante mesmo, assim como procurar um médico em vez de se automedicar.
      Bjs, Rose.

      Excluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.