#Resenha Uma Noite para se Entregar #1

O mundo é das mulheres, e parece que em Spindle Cove elas já descobriram isso. Mas nesta guerra entre os sexos, os dois lados tem muito o que aprender...

Uma Noite para se Entregar - #1 Spindle Cove - Tessa Dare
288 páginas - Editora Gutenberg
Desta vez não teremos a história de uma família grande. Spindle Cove não é nenhum sobrenome, e sim uma pacata vila. Mais precisamente o destino de várias moçar que não se adaptam à sociedade da época, seja em um casamento não satisfatória, sejam por seus gostos peculiares.
O local é liderado por Susanna Finch, filha do Conselheiro Real, Sir Lewis Finch, um especialista em fabricação de armas, que está inclusive, tentando criar um canhão.
Como anfitriã da vila ela ajuda as jovens que vão para o local a confiarem mais em si mesmas, descobrindo-se e desenvolvendo seus talentos.
Tudo começa a virar de cabeça para baixo quando o Tenente Coronel do Exército Britânico, Victor Branwell aparece na vila a procura de Lewis.
Victor que na guerra contra Napoleão teve seu joelho atravessado por uma bala, tem em Lewis sua última esperança para conseguir o comando de sua tropa de volta, pois todos acham que ele agora é um incapacitado.
O que ele não esperava, era que Lewis lhe desse o título de lorde. Logo ele que não sabia o que era um lar e que seu único talento era a guerra.
Branwell foi incumbido de uma missão bem complicada, e no final dela, se fosse bem realizada, ele teria seu pelotão de volta.
Acontece que para Branwell conseguir isso, teria que bater de frente com Susanna e os costumes do local. Ali, eram as mulheres que mandavam, e os poucos homens que lá viviam, precisavam se lembrar que são homens...
Para dar uma pitada a mais no enredo, Branwell e Susanna sentem uma forte atração um pelo outro. Não pensem vocês que eles negam isso, pelo contrário, eles deixam claro o interesse recíproco, só não sabem muito bem como tudo vai terminar, visto que Branwell logo estará voltando para guerra, enquanto Susanna permanecerá ali... Então o que fazer diante deste impasse? Se entregar a paixão, mesmo sabendo que não terá um futuro, ou por um ponto final em tudo, antes mesmo de começar?
Susanna ainda vai ter que lidar com o gosto amargo da decepção de não se sentir amada, e o pior, sentir-se só e usada.
Branwell não quer abrir mão de Susanna, mas sabe que a única coisa que sabe fazer e que nasceu para fazer está bem longe daquela pacata vila. Ele precisa voltar com urgência para seu mundo, e provar que ainda é capaz de enfrentar esta guerra.
Para Susanna, Branwell já não tem mais nada para ser provado, a não ser para ele mesmo.
Um romance muito bom, onde nenhum dos personagens tem frescuras. Pelo contrário, eles sabem o que querem e o que tem que fazer para alcançarem seus objetivos. Claro que isso acaba causando alguns desencontros, pois ambos querem proteger a todos e não pensam muito em si mesmo. Na verdade, eles acabam enxergando mais os defeitos do que as próprias qualidades. Tanto Susanna quanto Branwell tem suas inseguranças, e apenas o amor deles será capaz de afastar os fantasmas.
Para quem gosta do gênero, não pode deixar de conhecer esta série da Tessa Dare.
a Rafflecopter giveaway

20 comentários:

  1. ainda não li nenhum livro da autora, apesar de sempre ta de olho arregalado para toda e qualquer novidade em romance de época que é o que mais gosto
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então leia Thaila, vai gostar deste.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  2. Já comprei o meu e está na fila de espera para em breve ser lido! Beijos!
    http:// www.lostgirlygirl.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nádya, espero que goste!
      Bjs, Rose.

      Excluir
  3. Já comprei o meu e está na fila de espera para em breve ser lido! Beijos!
    http:// www.lostgirlygirl.com

    ResponderExcluir
  4. Hello :)
    O livro parece bem legal, pena que não seja um gênero que eu goste. talvez se tivesse uma pontinha de ação, eu leria. Passo a diga, mas curti o post.


    Beijinhos e que a Força esteja com você!
    www.cantinhocult.com
    www.galerageek.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia, não tem mesmo um grande ação, mas é um enredo bem feito.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  5. Oi Rose.
    Adorei a resenha.
    E me interessei muito com esse livro.
    Ja tenho visto alguns livros dessa autora e as sinopse cada vez mais me chamam a atenção. Espero ter a oportunidade de conferir logo.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Carol, também espero que tenha, e mais ainda, que goste.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  6. Rose, desde que ouvi falar da série já me encantei porque é o estilo que amo e com a sua resenha fiquei com muito mais vontade.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Espero que leia e goste!
      Bjs, Rose

      Excluir
  7. Não conheço a obra da autora, nunca li nada dela, mas gostei da sua resenha, deu para despertar a curiosidade me relação à leitura dessa obra. Acho que darei uma chance ao livro gostei muito da sua resenha!

    Tatiana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tatiana, fico feliz em saber, e espero que leia e goste.
      Bjs, Rose

      Excluir
  8. Oi Rose, eu ainda não conhecia essa obra, parabéns pela resenha!

    Beijokas da Quel
    http://literaleitura2013.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oe, tudo bom?
    Eu adoro a Editora Gutenberg, mas esse livro não despertou meu interesse.
    Não é muito o tipo de livro que leio.
    Até mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ala masculina não é muito adepta deste estilo mesmo :)
      Bjs!

      Excluir
  10. Oi Amiga,
    Fiquei curiosa com esses personagens tão decididos, mas com tantos desencontros e problemas. Já me elogiaram muito a autora, uma hora quero conhecer a escrita dela.

    Beijos
    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia mesmo amiga, vai gostar.
      Bjs, Rose

      Excluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.