#Resenha Morte nas Nuvens

Oi amigos, fazia um tempão que eu não lia nada da Agatha Christie, a responsável por eu ser fã do gênero policial. Para matar as saudades, peguei este livro que há tempos estava parado na estante. Espero que gostem.

A Morte nas Nuvens - Agatha Christie
218 páginas - Editora Record
Em mais um mirabolante enredo desenvolvido pela "Rainha do Crime", temos nosso detetive particular mais famoso, Hércule Poroit em uma viagem de avião.
Ao término da viagem uma passageira é encontrada morta. Madame Giselle era uma espécie de agiota. Emprestava dinheiro para os rios que estavam com problemas financeiros. Ela fazia isso, mas sempre se certificava de investigar a vida daqueles que lhe pediam ajuda. De posse de alguns segredos íntimos, ela tinha certeza que seu dinheiro sempre retornaria.
Como a morte em pleno voo, a lógica era que um dos passageiros ou tripulação fossem o responsável pelo crime.
Mas como descobrir o assassino se ninguém vira nada? Se ninguém se aproximou da vítima além dos tripulantes? Se ninguém a conhecia pessoalmente?
"- Ecoutez, Madame. Não lhe peço que me revele seus segredos. É desnecessário. Já conheço. Essa é a condição essencial para ser um bom detetive... conhecer." (pág. 157)
A única que ganharia com sua morte era sua filha que viveu toda a vida longe da mãe. Ah, claro, todos que lhe deviam dinheiro também sairiam lucrando...
Todos foram interrogados, mas não acrescentaram nenhuma novidade. Com duas possíveis causas para a morte, e com Hércule Poirot como o principal suspeito,  nosso detetive resolve ir a fundo e descobrir o que realmente aconteceu naquele voo mortal.
Ele prova mais uma vez porque é o melhor no seu ramo. Uma boa pedida para quem curte o gênero.

a Rafflecopter giveaway

2 comentários:

  1. Rose não vou muito fã da Agatha não!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena Thaila, eu como amo um livro policial, ela está entre as minhas preferidas.
      Bjs, Rose.

      Excluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.