#Resenha: Indesejadas


Oi amigos, a resenha de hoje é para aqueles que gostam de um bomenredo policial, cheio de suspense e com muitas perguntas...

Indesejadas - vol.1 da série Fredrika Bergman & Alex Recht - Kristina Ohlsson
400 páginas - Editora Vestígio

Quando Lilian Sebastiansson, uma menina de 6 anos desapareceu sem deixar pistas de dentro de um trem que ia para Estocolmo, a equipe de Alex Recht foi chamada para investigar. E o que achavam se tratar de uma desavença familiar, rapidamente transformou-se em pesadelo.
A menina foi encontrada morta com a palavra "indesejada" escrita em sua testa. Em um erro que para mim foi enorme, a polícia não abriu outras frentes de investigação, fixando apenas em caçar e encontrar Gabriel Sebastiansson, pai de Lilian.

" A grande maioria destas crianças acabava sendo encontrada. Mais cedo ou mais tarde. E "mais tarde" era no máximo um ou dois dias" (pág. 74)

Quando outra criança é roubada e também encontrada morta, a polícia é pega de calças curtas. Só não foi pior porque Fredrika Bergman, uma analista criminal que não era bem vista pelos membros policiais por ter apenas "formação acadêmica" se negou a ficar em apenas uma linha de investigação.  Foi ela a responsável por começar a ver que os crimes eram mais sérios, frutos de uma mente criminal fria e cruel.

"As crianças não desaparecem, são as pessoas que as perdem." (pág. 19)

Em uma ocorrida contra o tempo, toda a polícia está caçando o verdadeiro culpado, e tentando salvar outro garoto sequestrado. Cada minuto perdido, era um minuto a menos na vida deste garoto. E eles ainda tinha uma grande rede de pedofilia para ser desmanchada...
Um livro ótimo, principalmente para quem gosta do gênero policial. Conforme vamos lendo, tentamos montar o quebra cabeça junto com a polícia. Pensamos em algumas possibilidades descartamos outras...

"Ela insistiu que queria ir sozinha, disse que estava tudo bem, mas eu mandei uma viatura junto. Alguma coisa estava estranha naquela história."(pág. 369)

Não gostei muito do policial Peder. Achei-o infantil, em vários momentos tentando provar ser melhor que Fredrika. Me irritava vê-lo pensando com a cabeça de baixo em vez da de cima... Mas isso só contribuiu para a tensão do livro aumentar. Aprovadíssimo!

*Livro cedido em cortesia pela editora.


a Rafflecopter giveaway

0 comentários:

Postar um comentário

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.