#Resenha O Sonho de Lorena

Vocês já ouviram falar do canal Careca TV? Não? Então senta e deixa eu te contar um pouco da história que existe por trás deste canal.
O Sonho de Lorena - Lorena Reginato
112 páginas - Editora Universo dos Livros
Quem me conhece ou acompanha o blog, sabe que não sigo nenhum Youtuber, e Lorena não é uma exceção. Eu conheci Lorena, e uma pequena parte de sua história em uma reportagem feita (senão me falha a memória) pelo Fantástico. Isso ocorreu quando o canal dela foi hackeado e todos os seus vídeos e seguidores sumiram. Meu conhecimento ficou reduzido a isso, e assim ficaria, se este livro não tivesse sido dado em cortesia pela editora em um evento que participei durante a Bienal deste ano. Não foi um livro que priorizei para ler, mas foi um livro que eu sabia que leria, cedo ou tarde. Aquele sorriso na capa tinha me conquistado. A curiosidade bateu este mês, e eu peguei para ler.
O começo foi arrebatador, daqueles de tirar lágrimas dos meus olhos. Talvez por começar pelo depoimento de Fiorella Reginato, a mãe de Lorena. Eu, como mãe, senti nas palavras dela, cada sofrimento, impotência, desespero e luta pelo que passaram. Tudo estava ali descrito em poucas páginas. Isso bateu forte no meu coração de mãe. 
Depois disso, temos Lorena contando sobre ela mesma. Como ela era quando criança, ou melhor, mas nova ainda, pois ela tem apenas 12 anos. Eu tenho dois filhos, um de 11 e outro de 13 anos, então acho que vocês podem imaginar como me senti lendo a história dela.
Com sua linguagem simples de menina, ela conta como era sua vida antes de ser diagnosticada com câncer, e de como está sua vida agora. O choque sobre a doença, a operação e principalmente o desamparo ao se ver totalmente paralisada e sem fala no começo da recuperação. Foi um longo e doloroso caminho percorrido com o apoio da família e amigos.
Daquela menina mimada e impaciente sobrou o sonho de ter um canal. O bom humor foi a arma que ela, a mãe e a irmã escolheram para lutar, enquanto o sonho do canal ficou para um dia, quem sabe...
Mas vocês conhecem aquela frase: "Sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só, mas sonho que se sonha junto é realidade"? Pois é, a Larissa, irmã da Lorena e peça vital em sua recuperação, embarcou no sonho da irmã. Ela foi a mola propulsora que fez Lorena acreditar que podia. Daquele vídeo inicial, muita coisa aconteceu, inclusive o famigerado hackeamento que comentei no início.
E eu fiquei pensando, como existem pessoas egoístas, mesquinhas e invejosas neste mundo. O que faz alguém perder seu tempo para falar mal, ofender, jogar pedra e até hackear outra pessoa? Ainda mais uma CRIANÇA de 12 ANOS? Como eu disse, não sigo nenhum Youtuber, e não vou ser hipócrita em dizer aqui que agora ou seguir a Lorena, porque não vou. Mas, se eu não tenho nada útil para dizer, coisa boa para acrescentar ou até mesmo algo construtivo para passar, fico na minha paro o vídeo e vou para outro. Simples assim, como faço com músicas no rádio ou programas de TV. Mas não, as pessoas gostam de fazer mal aos outros. Justamente, aqui no caso, a uma criança que já tinha sofrido muita coisa que muito adulto não aguentaria, e ainda tem gente que joga pedra. Acho isso o  cúmulo. O canal é uma válvula de escape muito bem usada por Lorena para sua recuperação.
O livro vai mostrar a história de coragem e superação desta menina. Um livro que mostra que a vida é um presente que deve ser aproveitado ao máximo. Um livro para fazer o leitor pensar na própria vida e o que está fazendo com ela. Sim, podemos aprender algo com uma criança de 12 anos. A eminência da morte trás ensinamentos a todos, seja qual for a idade.
Fico agora torcendo para que Lorena possa  seguir em frente com seu sorriso que me cativou. Que sua vida de criança enfim, volte. E que suas preocupações sejam apenas as típicas de sua idade.
*Livro dado em cortesia pela editora

#Resenha O Sonho de Lorena

Vocês já ouviram falar do canal Careca TV? Não? Então senta e deixa eu te contar um pouco da história que existe por trás deste canal.
O Sonho de Lorena - Lorena Reginato
112 páginas - Editora Universo dos Livros
Quem me conhece ou acompanha o blog, sabe que não sigo nenhum Youtuber, e Lorena não é uma exceção. Eu conheci Lorena, e uma pequena parte de sua história em uma reportagem feita (senão me falha a memória) pelo Fantástico. Isso ocorreu quando o canal dela foi hackeado e todos os seus vídeos e seguidores sumiram. Meu conhecimento ficou reduzido a isso, e assim ficaria, se este livro não tivesse sido dado em cortesia pela editora em um evento que participei durante a Bienal deste ano. Não foi um livro que priorizei para ler, mas foi um livro que eu sabia que leria, cedo ou tarde. Aquele sorriso na capa tinha me conquistado. A curiosidade bateu este mês, e eu peguei para ler.
O começo foi arrebatador, daqueles de tirar lágrimas dos meus olhos. Talvez por começar pelo depoimento de Fiorella Reginato, a mãe de Lorena. Eu, como mãe, senti nas palavras dela, cada sofrimento, impotência, desespero e luta pelo que passaram. Tudo estava ali descrito em poucas páginas. Isso bateu forte no meu coração de mãe. 
Depois disso, temos Lorena contando sobre ela mesma. Como ela era quando criança, ou melhor, mas nova ainda, pois ela tem apenas 12 anos. Eu tenho dois filhos, um de 11 e outro de 13 anos, então acho que vocês podem imaginar como me senti lendo a história dela.
Com sua linguagem simples de menina, ela conta como era sua vida antes de ser diagnosticada com câncer, e de como está sua vida agora. O choque sobre a doença, a operação e principalmente o desamparo ao se ver totalmente paralisada e sem fala no começo da recuperação. Foi um longo e doloroso caminho percorrido com o apoio da família e amigos.
Daquela menina mimada e impaciente sobrou o sonho de ter um canal. O bom humor foi a arma que ela, a mãe e a irmã escolheram para lutar, enquanto o sonho do canal ficou para um dia, quem sabe...
Mas vocês conhecem aquela frase: "Sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só, mas sonho que se sonha junto é realidade"? Pois é, a Larissa, irmã da Lorena e peça vital em sua recuperação, embarcou no sonho da irmã. Ela foi a mola propulsora que fez Lorena acreditar que podia. Daquele vídeo inicial, muita coisa aconteceu, inclusive o famigerado hackeamento que comentei no início.
E eu fiquei pensando, como existem pessoas egoístas, mesquinhas e invejosas neste mundo. O que faz alguém perder seu tempo para falar mal, ofender, jogar pedra e até hackear outra pessoa? Ainda mais uma CRIANÇA de 12 ANOS? Como eu disse, não sigo nenhum Youtuber, e não vou ser hipócrita em dizer aqui que agora ou seguir a Lorena, porque não vou. Mas, se eu não tenho nada útil para dizer, coisa boa para acrescentar ou até mesmo algo construtivo para passar, fico na minha paro o vídeo e vou para outro. Simples assim, como faço com músicas no rádio ou programas de TV. Mas não, as pessoas gostam de fazer mal aos outros. Justamente, aqui no caso, a uma criança que já tinha sofrido muita coisa que muito adulto não aguentaria, e ainda tem gente que joga pedra. Acho isso o  cúmulo. O canal é uma válvula de escape muito bem usada por Lorena para sua recuperação.
O livro vai mostrar a história de coragem e superação desta menina. Um livro que mostra que a vida é um presente que deve ser aproveitado ao máximo. Um livro para fazer o leitor pensar na própria vida e o que está fazendo com ela. Sim, podemos aprender algo com uma criança de 12 anos. A eminência da morte trás ensinamentos a todos, seja qual for a idade.
Fico agora torcendo para que Lorena possa  seguir em frente com seu sorriso que me cativou. Que sua vida de criança enfim, volte. E que suas preocupações sejam apenas as típicas de sua idade.
*Livro dado em cortesia pela editora

Editoras Parceiras