#Resenha Contos da Fraternidade

Oi amigos, hoje tenho uma resenha nacional para vocês de um livro com 4 contos. Espero que gostem!
Contos da Fraternidade - Paola Scott
The Gift Box Editora
Este livro contém 4 contos de 4 amigos universitários. Cada um tem uma personalidade diferente e foram separados conforme as estações do ano.
Verão:
Benjamin (Ben) é o capitão do time de basquete de Princeton. Mas se engana quem pensa que este lindo negro de corpo trabalhado seja apenas mais um corpo bonito com uma cabeça de vento.
Aplicado, é um bom aluno, e estuda com afinco para manter suas notas, principalmente em Estatística, matéria que tem uma professora que mexe com seus hormônios...
Mas confraternização entre aluno e professor são terminantemente proibidos, logo, a senhorita Adams estava totalmente inatingível.
Com o final do semestre se aproximando, Ben estava sob uma forte pressão, não só pelas provas finais, como também pela final do campeonato. Mas ele gostava desta pressão, a não ser pela bela professora que tinha o poder de desestabilizá-lo.
Ele que poderia ter a garota que quisesse, sonhava era com a professora... E não é que nos acréscimos a inatingível professora começou a olhar Ben de forma diferente...Será que finalmente Ben teria uma brecha para chegar na professora? Ou seria apenas desejo de que isso fosse verdade? O time de Ben será campeão? Ele manterá as boas notas?
O conto poder ser curto, mas é redondo e bem feito. Adorei o fato de Paola colocar protagonistas negros no seu conto, coisa bem rara de ser visto. Mas isso não me espanta vindo da autora.

Outono:
Andrew é outro da turma de quatro amigos que dividem o apartamento. Nosso ruivo escocês é estudante de Artes Cênicas e um conquistador que adorar pregar peças em seus amigos Ben, Snake e Thomas.
Ensaiando uma peça universitária, não consegue gerar "química" com a atriz com quem dividirá o palco. 
Em compensação, ele não consegue tirar da cabeça Melina, a assistente de direção que não lhe dá a mínima chance. 
Mel parece imune aos encantos e galanteios deste belo escocês.
As coisas parecem mudar quando Andrew descobre uma outra faceta de Mel. E parece que quanto mais ele cava, mais facetas dela ele descobre. Mas isso não ajuda em nada com relação a bela e fria garota, que deixa claro que não quer nada com um irresponsável que só pensa em galinhar e farrear. Mas parece que é justamente a gozação de seus amigos que vai dar a oportunidade certa para Andrew ter finalmente Mel em seus braços. Será??? Onde Mel e Andrew irão parar???
Outro conto delicioso da autora e mais uma vez com um enredo redondinho. O final ainda ficou aquele gostinho de quero mais, e a sensação de que Mel e Andrew não vão embora totalmente...

Inverno:
Snake é estudante de Física Nuclear em Princeton e mora com seus três amigos Tom, Drew e Ben. Nunca escondeu de ninguém seu lado pegador e mulherengo, assim como seu gosto por aventuras, o que sempre causou desavenças com seus pais principalmente após a morte de seu irmão mais velho.
Apesar de bem inteligente e com um QI acima da média, Snake tinha algumas DP's na faculdade, o que de certa forma o preocupava, ainda mais por saber que dominava o assunto e seu problema era mais presencial. Como sempre chegava atrasado, sua cabeça estava por um triz em algumas matérias.
E foi por conta de um destes atrasos que ele acabou trombando com Elizabeth na entrada da aula. Elizabeth era uma nerd de carteirinha e muito amiga de Tom. Ela sempre chamou atenção de Snake, mesmo que ambos nunca tenham conversado muito ou que ela tenha dado algum tipo de sinal de que estava interessada nele. Na verdade, em toda a faculdade ela era a única aluna que parecia imune aos encantos de Snake.
Mais atiçado pelas advertências do amigo e curioso para conhecer melhor Elizabeth, ele resolveu se aproximar da moça. E contando com a ajuda do inverno, Snake tem uma chance de chegar mais perto desta nerd que se esconde do mundo.
Uma aproximação que não só vai elevar a temperatura do inverno em Princeton, como também vai mostrar um lado descolado de Elizabeth que ninguém conhecia. Snake e Elizabeth farão bem um para o outro e o resultado disso é uma bela amizade colorida... Será?

Primavera:
Thomas é o mais nerd dos 4 amigos. Ele sempre estava enfiado nos livros e não era muito chegado a esportes e baladas, motivo que sempre o colocava na roda das zoações.
Isso não o impede de ver a beleza de Nat, a nova líder das cheerleaders.
Thomas sabia que ambos estavam em lados bem diferentes da sociedade, e que suas chances com ela eram mínimas, para não dizer nulas.
Mas nosso nerd estava errado, pois Nat o viu no meio de todos, e seguindo seus instintos, queria conhecer aquele belo rapaz que se escondia atrás dos livros e da timidez.
Uma relação improvável, mas que tem muito a ensinar aos dois, afinal a vida é sempre um grande aprendizado...

Com histórias curtas, picantes e ótimas para passar o tempo, Paola nos apresenta um grupo de amigos e suas intermináveis conquistas. Fica a dica para quem procura uma leitura leve e despretensiosa sem abrir mão da qualidade.

E não esqueçam que hoje a noite teremos uma live com a autora Paola Scott para conversar justamente sobre o livro. Não fique de fora!



#Resenha Contos da Fraternidade

Oi amigos, hoje tenho uma resenha nacional para vocês de um livro com 4 contos. Espero que gostem!
Contos da Fraternidade - Paola Scott
The Gift Box Editora
Este livro contém 4 contos de 4 amigos universitários. Cada um tem uma personalidade diferente e foram separados conforme as estações do ano.
Verão:
Benjamin (Ben) é o capitão do time de basquete de Princeton. Mas se engana quem pensa que este lindo negro de corpo trabalhado seja apenas mais um corpo bonito com uma cabeça de vento.
Aplicado, é um bom aluno, e estuda com afinco para manter suas notas, principalmente em Estatística, matéria que tem uma professora que mexe com seus hormônios...
Mas confraternização entre aluno e professor são terminantemente proibidos, logo, a senhorita Adams estava totalmente inatingível.
Com o final do semestre se aproximando, Ben estava sob uma forte pressão, não só pelas provas finais, como também pela final do campeonato. Mas ele gostava desta pressão, a não ser pela bela professora que tinha o poder de desestabilizá-lo.
Ele que poderia ter a garota que quisesse, sonhava era com a professora... E não é que nos acréscimos a inatingível professora começou a olhar Ben de forma diferente...Será que finalmente Ben teria uma brecha para chegar na professora? Ou seria apenas desejo de que isso fosse verdade? O time de Ben será campeão? Ele manterá as boas notas?
O conto poder ser curto, mas é redondo e bem feito. Adorei o fato de Paola colocar protagonistas negros no seu conto, coisa bem rara de ser visto. Mas isso não me espanta vindo da autora.

Outono:
Andrew é outro da turma de quatro amigos que dividem o apartamento. Nosso ruivo escocês é estudante de Artes Cênicas e um conquistador que adorar pregar peças em seus amigos Ben, Snake e Thomas.
Ensaiando uma peça universitária, não consegue gerar "química" com a atriz com quem dividirá o palco. 
Em compensação, ele não consegue tirar da cabeça Melina, a assistente de direção que não lhe dá a mínima chance. 
Mel parece imune aos encantos e galanteios deste belo escocês.
As coisas parecem mudar quando Andrew descobre uma outra faceta de Mel. E parece que quanto mais ele cava, mais facetas dela ele descobre. Mas isso não ajuda em nada com relação a bela e fria garota, que deixa claro que não quer nada com um irresponsável que só pensa em galinhar e farrear. Mas parece que é justamente a gozação de seus amigos que vai dar a oportunidade certa para Andrew ter finalmente Mel em seus braços. Será??? Onde Mel e Andrew irão parar???
Outro conto delicioso da autora e mais uma vez com um enredo redondinho. O final ainda ficou aquele gostinho de quero mais, e a sensação de que Mel e Andrew não vão embora totalmente...

Inverno:
Snake é estudante de Física Nuclear em Princeton e mora com seus três amigos Tom, Drew e Ben. Nunca escondeu de ninguém seu lado pegador e mulherengo, assim como seu gosto por aventuras, o que sempre causou desavenças com seus pais principalmente após a morte de seu irmão mais velho.
Apesar de bem inteligente e com um QI acima da média, Snake tinha algumas DP's na faculdade, o que de certa forma o preocupava, ainda mais por saber que dominava o assunto e seu problema era mais presencial. Como sempre chegava atrasado, sua cabeça estava por um triz em algumas matérias.
E foi por conta de um destes atrasos que ele acabou trombando com Elizabeth na entrada da aula. Elizabeth era uma nerd de carteirinha e muito amiga de Tom. Ela sempre chamou atenção de Snake, mesmo que ambos nunca tenham conversado muito ou que ela tenha dado algum tipo de sinal de que estava interessada nele. Na verdade, em toda a faculdade ela era a única aluna que parecia imune aos encantos de Snake.
Mais atiçado pelas advertências do amigo e curioso para conhecer melhor Elizabeth, ele resolveu se aproximar da moça. E contando com a ajuda do inverno, Snake tem uma chance de chegar mais perto desta nerd que se esconde do mundo.
Uma aproximação que não só vai elevar a temperatura do inverno em Princeton, como também vai mostrar um lado descolado de Elizabeth que ninguém conhecia. Snake e Elizabeth farão bem um para o outro e o resultado disso é uma bela amizade colorida... Será?

Primavera:
Thomas é o mais nerd dos 4 amigos. Ele sempre estava enfiado nos livros e não era muito chegado a esportes e baladas, motivo que sempre o colocava na roda das zoações.
Isso não o impede de ver a beleza de Nat, a nova líder das cheerleaders.
Thomas sabia que ambos estavam em lados bem diferentes da sociedade, e que suas chances com ela eram mínimas, para não dizer nulas.
Mas nosso nerd estava errado, pois Nat o viu no meio de todos, e seguindo seus instintos, queria conhecer aquele belo rapaz que se escondia atrás dos livros e da timidez.
Uma relação improvável, mas que tem muito a ensinar aos dois, afinal a vida é sempre um grande aprendizado...

Com histórias curtas, picantes e ótimas para passar o tempo, Paola nos apresenta um grupo de amigos e suas intermináveis conquistas. Fica a dica para quem procura uma leitura leve e despretensiosa sem abrir mão da qualidade.

E não esqueçam que hoje a noite teremos uma live com a autora Paola Scott para conversar justamente sobre o livro. Não fique de fora!



Editoras Parceiras