#Resenha Dom Casmurro

Oi amigos, hoje tenho para vocês mais um clássico da literatura que a Editora Nemo trás em versão HQ. Temos agora a história de Dom Casmurro, de Machado de Assis. Aquela mesma, que sempre é pedida (ou pelo menos no meu tempo era..) nas escolas, e que a maioria dos estudantes odeia. Não vou entrar em discussão sobre isso, pois não cabe aqui, visto que tenho uma opinião sobre este método de ensino que em vez de conquistar leitores, os afasta. Enfim... vamos ao livro!
Dom Casmurro - Machado de Assis por Wellington Srbek e José Aguiar
80 páginas - Editora Nemo
Dom Casmurro conta a história de Bento Santiago (Bentinho) e Capitu, amigos de infância. O livro, que é narrado por Bentinho, é ambientado no Rio de Janeiro, na época do Império. Ele, um advogado estabelecido e solitários, que aos 54 anos decide escrever um livro sobre sua vida com Capitu, sua amada desde a adolescência. 
Ele já começa explicando o motivo do nome Dom Casmurro, um apelido que recebeu de um desconhecido. Depois passa a narrar fatos de sua infância, da sua amizade com Capitu da percepção de que os sentimentos que nutriam era mais que amizade e do problema para que o romance entre eles começasse.
Isso porque sua mãe havia feito uma promessa na hora do parto, onde caso o filho vingasse, seria mandado para o seminário para ser padre. Isso era muito comum na época.
Acontece que Bentinho não tinha nenhuma intenção em ser padre, mas sua mãe, de mãos atadas por conta da promessa, nada poderia fazer. 
Capitu era uma moça muito bonita e inteligente, sempre disposta a lutar pelo que deseja. Era vista por muitos como dissimulada. Ela até tentou colocar uma certa resistência em Bentinho, para que ele se recusasse a ir para o seminário, mas o moço, que era muito inseguro e imaturo, acabou seguindo os desejos da mãe.
E foi no seminário que ele conheceu Ezequiel Escobar, um rapaz muito bonito e seguro de si, que assim como ele, não tinha nenhuma intenção de ser padre. Os dois desenvolveram uma forte amizade, que permaneceu mesmo depois que ambos saíram do seminário. Enquanto Bento torna-se advogado, Ezequiel vira comerciante.
De volta para casa, Bentinho e Capitu seguem o namoro, apesar do ciúme de Bentinho. Eles por fim se casam, e Ezequiel acaba casando com Sancha, a melhor amiga de Capitu. Os dois casais estreitam ainda mais a amizade entre eles, sendo companhias constantes um do outro. 
Sancha e Ezequiel acabam tendo uma menina, que colocam o nome de Capitolina, em homenagem a amiga Capitu. Tempos depois, Bento e Capitu tem um menino, que colocam o nome de Ezequiel.
Bento ainda segue tendo ciúmes de Capitu, e vira e mexe é protagonista de algumas cenas por conta deste ciúmes. É quando ele começa a cismar com Ezequiel e Capitu. Em seus devaneios, ele imagina que Sancha esteja interessado nele. 
Neste meio tempo, Ezequiel acaba morrendo misteriosamente afogado, mesmo sendo um nadador de primeira. E é justamente no enterro do melhor amigo que ele levanta suas maiores suspeitas sobre a esposa e o falecido amigo.
Cheio de raiva e rancor, ele quase é protagonista de uma ação impensada contra o próprio filho. Dominado pelo ciúmes, ele acaba exilando a mulher e filho na Europa, enquanto volta para viver no Brasil. Anos depois, sozinho e amargurado, ele começa a contar esta história em um livro.
O mais interessante desta história, seja em quadrinho, seja o clássico original ou as muitas versões que saíram deste clássico, é a dúvida que fica na cabeça do leitor sobre a suposta traição de Capitu. Será mesmo que ela e Ezequiel, melhor amigo de Bento, o traíram? O filho que Bento e Capitu tiveram seria mesmo filho de Ezequiel e Capitu? Ou tudo isso seriam fantasias de uma mente perturbada pelo ciúmes? De concreto mesmo é que toda a história é contada sob o ponto de vista de Bento, e o leitor chega ao final da leitura com a semente da dúvida em sua mente. 
Um jeito mais leve e rápido de se conhecer este clássico que tem em seu enredo além do romance, adultério, ciúmes, religião e diferença entre classe social. Um livro escrito em 1899, mas com temas recorrentes até os dias atuais.
A parte gráfica está toda em preto e branco, e isso acaba dando mais dramaticidade em certos trechos da narrativa. 

Você quer saber minha opinião? Tem horas que eu achei que os dois tivessem tido o caso, em outras que Bento estava vendo além do que realmente acontecia. No fim, termino mais uma vez achando que tudo foi fruto da imaginação de Bento.
Uma história que com certeza eu recomendo.
E você, já leu este clássico? O que achou da história? Bento foi traído? Capitu é inocente?

A editora tem vários outros clássicos em versão HQ, tão bons quanto este. Alguns inclusive já resenhados aqui no blog:
Gostou e quer ler? Então aproveita!

54 comentários:

  1. Ola Rose, com certeza preciso ler clássicos e Dom Casmurro e um livro que sempre me desperta curiosidade e ele esta no topo na minha lista de clássicos nacionais que quero ler. Amei a resenha.
    Segui o blog ;)
    Beijos da May, Minha Pequena Coleção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, ele é muito bom!
      Bjs Rose

      Excluir
  2. pra mim Bentinho é doido, ele que tava tendo um caso coma Sancha e quis jogar a culpa na Capitu, colocando a mulher traidora em ação!
    pronto falei! kkkk
    esse livro deu um nó na minha cabeça, me lembro de ter lido no auge da adolescência e tido vários debates entre os colegas sobre as questões que o livro traz, pois a todo o momento somos manipulados pela narração de Bento, e temos que trabalhar as nossas próprias conjecturas
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem por aí mesmo. E esse debate vale para cada leitura feita.
      Bjs Rose

      Excluir
  3. Oie, tudo bem?
    Gente adoro Dom Casmurro, altos debates na época de escola.. Adorei essa versão em HQ (Pq sou apaixonada por quadrinhos) já quero toda a coleção! Como assim eu não conhecia?

    Agora como sempre achei, Bentinho é doido e tudo sempre foi imaginação mesmo. Capitu era inocente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paloma, este livro sempre trás este debate né?
      Bjs Rose

      Excluir
  4. Olá!! :)

    Eu confesso que ainda não conhecia o classico, mas ainda bem que gostaste desta versão do mesmo!! :) FIco curioso..

    Gostei da parte gráfica, ou pelo menos da parte que revelaste, e acho ótimo que o livro seja mais leve no meio de tantos assuntos mais "pesados".

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um ótimo clássico se der leia.
      Bjs Rose

      Excluir
  5. Nossa!!!! Adorei essa versão em HQ, não sabia dela! Acredito que chame bastante atenção dos alunos. Vou atrás desses livros!

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beta, tenho certeza que chama mais atenção mesmo.
      Bjs Rose

      Excluir
  6. Ai meu Deus!
    Adorei saber que existe uma história em quadrinhos sobre essa história que eu detestei.
    Li obrigada na época da escola, e lembro de odiar.
    Li outros livros do Machado, depois de mais velha, e sem ser obrigada, mas detestei igualmente.
    Gostaria de tentar essa história de novo, e acho que quadrinhos seria bem legal para reler.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Giully seria uma experiência interessante, quem sabe faz você mudar de opinião.
      Bjs Rose

      Excluir
  7. Olá!
    Não conhecia a obra, mas depois de ler a sua resenha fiquei bastante curiosa para ler! Obrigada pela dica, vou adicionar à minha lista de leituras!
    beijos

    a-lilianaraquel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá! Que interessante essa versão ainda não conhecia. Está linda.
    Espero ter oportunidade de ler também em breve, bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim Lorena, é ótima!
      Bjs Rose

      Excluir
  9. Oi. Eu amo Dom Casmurro, obra genial que li inúmeras vezes, quero até o próximo ano reler o Machado. Sobre a adaptação para HQ, mesmo sabendo que é adaptação, ou seja, outra obra, tenho um pouco de resistência quando é clássico. Pois sempre comparo, não faço com filmes, minha birra é com HQ, preciso melhorar isso em minha vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lilian, em relação a HQ não tenho problema, sofro mais com os filmes...
      Bjs Rose

      Excluir
  10. Oi, Rose! Tudo bem?
    Para minha vergonha, eu nunca li Dom Casmurro. Mas não falta curiosidade viu? Tenho muita vontade de saber qual será minha impressão sobre esse mistério se Capitu traiu Bentinho ou não.
    A HQ parece estar incrível e é uma ótima forma de conhecer o clássico, com certeza. O único motivo que não pretendo ler ainda, é que vou acabar desanimando de ler o livro e creio que essa é uma obra que mereça ser conhecida em sua versão integral. Mas quem sabe depois que ler o livro, né?
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria, sim o original seria ótimo mesmo. Esta versão está maravilhosa, e vale para quem não se dá muito bem com os clássicos originais.
      Bjs Rose

      Excluir
  11. Oi Rose, eu realmente fui afastada dos clássicos nacionais por causa da escola. Vim ler esse livro ano passado e confesso que gostei muito da escrita do Machado de Assis e não vejo a hora de ler outros livros dele. Adorei essa edição em quadrinhos, acho que deixa a leitura mais dinâmica e mais fácil de ler. Eu tenho um exemplar em quadrinhos de um conto do Machado, mas creio que seja de outra editora. Adorei. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gleyse, você é milhares de pessoas foram afastadas dos livros por conta disso.
      Bjs Rose

      Excluir
  12. Oie
    é um absurdo eu ainda não ter lido esse livro mas quero muito e espero muito poder em breve, ja tenho aqui e tentarei com muita paciência começar a ler

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oiii Rose tudo bem?
    Eu tenho uma paixão absurdamente louca por capitu, tenho ódio e amor ao mesmo tempo, fiquei louca aqui vendo essa hq e não pensaria duas vezes a não ser adorar ter a oportunidade de ler também, deve ter sido maravilhosa essa experiência e sei que quem adora os clássicos vai adquirir.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou Morgs, este livro trás está ambiguidade mesmo com o leitor.
      Bjs Rose

      Excluir
  14. Olá!

    Que ideia maravilhosa, para pessoas como eu que não gosto muito de ler clássicos esse formato em HQ pode vir a me ajudar muito, gostei bastante da dica e pretendo usar em breve.

    Beijos e Sucesso!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Thaysa, sem falar que ainda atraí mais facilmente os mais jovens.
      Bjs Rose

      Excluir
  15. Acredita que nunca li???? A Dani quer morrer comigo kkkk Mas juro que tá na lista. Acho que em HQ fica melhor rs Vou dar uma chance para o Machadão

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fica brava e com razão!! Leia em HQ, vai gostar.
      Bjs Rose

      Excluir
  16. Olá Rose!
    Não conhecia essa versão de Dom Casmurro e apesar de não ler HQ fiquei bem curiosa com ele.
    Certamente a releitura dessa obra me agradaria bem mais de quando tive que ler na época escolar.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila, a maioria de nós não tem a maturidade literária correta para esta leitura quando somos obrigados pela escola a ler.
      Bjs Rose

      Excluir
  17. Interessante essas versões de livros clássicos em HQs que estão surgindo agora... Esse tipo de coisa sempre estimula a leitura de jovens leitores, que não estão acostumados a ler clássicos. Quanto ao livro: acho bacana a história de Dom Casmurro, apesar de que, pra mim, não há dúvida de que Bentinho era apenas um homem ciumento e misógino e que claramente Capitu não o traiu - mas total deveria ter feito, hein.

    ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mia, na minha opinião, as escolas deveriam aproveitar este tipo de linguagem para atrair os mais jovens.
      Bjs Rose

      Excluir
  18. Olá, tudo bem?
    Já li sim, e acredito que Bentinho foi traido, rs.
    Adorei essa versão em HQ, deve ser um amor só!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro esta divisão de opiniões que o livro gera.
      Bjs Rose

      Excluir
  19. Rose concordo que o método de incentivo na leitura das escolas não é nada convidativo! Dom Casmurro me conquistou pela série que teve na Globo e é uma obra que espero muito ler em breve! Não sei dizer exatamente o que me atraiu na história, mas acredito que seja essa trama psicológica da suspeita de traição. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho que a parte psicologica é que prende o leitor.
      Bjs Rose

      Excluir
  20. Heeeey! Tudo bem?
    Quando se fala de clássico bom sempre lembro de 'Dom Casmurro' li a muito tempo atrás mas lembro de ter gostado muito da leitura.
    Amei sua resenha.

    Beijos e até a próxima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabi, não dá para falar de clássicos sem citá-lo mesmo.
      Bjs, Rose

      Excluir
  21. Tenho muita vontade de ler esse clássico, parece muito bom! Adorei seus pensamentos acerca da história. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, leia sim, é muito bom.
      Bjs, Rose

      Excluir
  22. Eu adora a obra original. Acho que é uma das obras mais magnífica que temos no Brasil. Dom Casmurro é o clássico exemplo de narrativa que traz um narrador que não podemos confiar. Outro ponto a ser exaltado é que Dom Casmurro não é uma narrativa sobre traição, e sim sobre a dúvida, um sentimento que corrói mais que o ciumes.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem lembrado Nilda, sem dúvida, a "dúvida" em uma relação é a pior coisa.
      Bjs, Rose

      Excluir
  23. Olá querida, faz tempo que não venho fazer uma visita, mas as coisas andam um pouquinho complicadas, kkkk

    Adorei a dica de hoje, clássicos em HQ, já quero! <3

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não esquenta, será sempre bem vinda do mesmo jeito.
      Bjs, Rose

      Excluir
  24. Rose, sou muito suspeita para falar dessa obra, pois é a minha preferida da vida.
    Sou louca nessa edição, mas ainda não rolou adquirir.
    Na verdade todas essas edições são maravilhosas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Deby, espero que consiga comprar.
      Bjs, Rose

      Excluir
  25. Olá Rose, tudo bem?

    Eu amo Dom Casmurro, mas sou meio contra essas adaptações todas, porque eles pegam apenas parte da obra, e não a essência num todo. Talvez tente comprá-lo para ver no que isso deu, mas vai demorar, rs.

    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Muuuuuito legal a iniciativa da editora de tornar os clássicos mais acessíveis e atrativos para a nova geração.
    E eu acho que a Capitu deu umas puladas de cerca sim. kkkk
    Beijos!

    ResponderExcluir
  27. eu acho que essa é a duvida de todo brasileiro né? é coisa da cabeça do Bento ou a Capitu é uma safadenha? nunca saberemos, felizmente, pois o legal da obra é ficar na dúvida mesmo hahahaha Adorei esse novo formato, atrai mais quem nao curte os clássicos ne?

    ResponderExcluir
  28. Olá, tudo bem? É uma das minhas histórias favoritas do autor. Ver a versão em HQ é emocionante. Ainda não tive oportunidade de ler assim, mas fiquei animada. Essa dúvida final sempre ficará como dúvida hahahah Cabe ao leitor tentar interpretar da sua maneira haha
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  29. adoro Dom Casmurro e confesso estar curiosa pra ler essa versão em HQ. :D
    Adorei o traço do quadrinho, ficou bacana... a editora vem trazendo titulos interessantes nesse formato...
    bjs :D

    ResponderExcluir
  30. Olá Rose, ah se no meu tempo tivesse lido Dom Casmurro em hq teria tirado nota 10 em literatura, mas tirei 7 kkkkkkkkkk enfim, essa história é bem mirabolante mesmo, fiquei com vontade de reler e saber minha outra percepção. Bjkas

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.