Pedido de Demissão

Oi amigos, aproveitando que estamos no mês das crianças, achei uma ótima oportunidade para postar este texto que me mandaram há algum tempo atrás. Espero que gostem!

Venho por meio deste, apresentar oficialmente meu pedido de demissão da categoria dos adultos.
Resolvi que quero voltar a ter as responsabilidades e as ideias de uma criança de oito anos no máximo.
Quero acreditar que o mundo é justo e que todas as pessoas são honestas e boas.
Quero acreditar que tudo é possível.
Quero que as complexidades da vida passem desapercebidas por mim e quero ficar encantada com as  pequenas maravilhas deste mundo.
Quero de volta uma vida simples e sem complicações.
Cansei dos dias cheios de computadores que falham, montanha de papeladas, notícias deprimentes, contas a pagar, fofocas, doenças e necessidade de atribuir um valor monetário a tudo o que existe.
Não quero mais ter que inventar jeitos para fazer o dinheiro chegar até o dia do próximo pagamento.
Não quero mais ser obrigada a dizer adeus ás pessoas queridas e, com elas, à uma parte da minha vida.
Quero ter a certeza de que Deus está no céu e de que, por isso, tudo está direitinho nesse mundo.
Quero viajar ao redor do mundo no barquinho de papel, que vou navegar numa poça deixada pela chuva.
Quero jogar pedrinhas na água e ter tempo para olhar as ondas que elas formam.
Quero achar que as moedas de chocolate são melhores do que as de verdade, porque podemos comê-las e ficar com a cara toda lambuzada.
Quero ficar feliz quando amadurecer o primeiro caju, a primeira manga ou quando a jabuticabeira  ficar pretinha de frutas.
Quero poder passar as tardes de verão à sombra de uma árvore, construindo castelos no ar  e dividindo-os com meus amigos.
Quero voltar a achar que chicletes e picolés são as melhores coisas da vida.
Quero que as maiores competições  em que eu tenha de entrar sejam um jogo de bola de gude ou uma pelada.
Quero voltar ao tempo em que tudo o que eu sabia era o nome das cores, a tabuada, as cantigas de roda, a "Batatinha quando nasce..." e a "Ave Maria"  e que isso não me incomodava nadinha,  porque eu não tinha a menor ideia de quantas coisas eu ainda não sabia.
Quero voltar ao tempo em que se é feliz,  simplesmente porque se vive  na bendita ignorância da existência de coisas  que podem nos preocupar ou aborrecer.
Quero acreditar no poder dos sorrisos,  dos abraços, dos agrados, das palavras gentis, da verdade,  da justiça, da paz, dos sonhos,  da imaginação, dos castelos no ar e na areia.
Quero estar convencida de que tudo isso...  vale muito mais do que o dinheiro!
A partir de hoje, isso é com vocês,  porque eu estou me demitindo da vida de adulto.
Conceição Trucom

30 comentários:

  1. se as crianças soubessem como essa fase é boa não teriam tanta pressa em crescer rsrsrs
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ai Rose!
    As crianças são mesmo criativas e reproduzem bem o que observam.
    Lindo texto.
    “A simplicidade representa o último degrau da sabedoria.” (Arthur Schopenhauer)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  3. Oie Rose!
    Realmente, que saudade daquele tempo em que não tinha muita preocupação.
    Adorei o texto!
    Bjks!

    ResponderExcluir
  4. ah,que textinho bonito...seria tão mais fácil voltar à infância quando bem quiséssemos...senti saudade de algumas coisas relatadas no post...
    bjs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bateu saudades mesmo, o texto é uma verdade fofa.
      Bjs!

      Excluir
  5. Oiii Rose, como vai?
    Achei um amorzinho esse texto que trouxeste ao blog, ainda mais nessa época, ficou incrível e senti saudades de tudo que vivi.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Morgs, me encantei com o texto quando o recebi.
      Bjs!

      Excluir
  6. Excelente texto, precisamos da inocência das crianças, quem sabe esse movimento doentio de ódio diminua.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria ótimo se isso acontecesse!
      Bjs!

      Excluir
  7. Olá!
    Que texto mais lindo e reflexivo. Só Deus sabe o quanto que valores e princípios foram deturpados com o passar dos tempos.
    As vezes eu tenho a impressão que estamos regredindo ao invés de evoluir.
    Amei esse texto. Compartilhando nas redes.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcia, sinto isso também. Tem dias que peço para o mundo parar que eu quero descer.
      Bjs!

      Excluir
  8. Oi Rose! Tudo bem?
    Que texto lindo, adorei! Achei tão lindo e fofo que até compartilhei em uma pagina que administro. O mundo pelos olhos de uma criança é tão cheio de cores e quando nos tornamos adultos, parece que as cores desbotam e tudo fica descolorido em sem brilho. Parabéns pelo post! Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sophia, é verdade mesmo. O Olhar de uma criança é muito mais rico que o nosso.
      Bjs!

      Excluir
  9. Ownnnn eu também queria... kkkk
    Adorei o texto, não conhecia e ele traz uma boa reflexão sobre nós mesmos e sobre nossa infância. Como uma criança é pura e verdadeira, neh... Adorei! Bjs

    ResponderExcluir
  10. Oi, Rose! Tudo bem?
    Que texto lindo! Realmente é uma fase de sonhos e inocência. Somos tão frágeis, nessa época, mas também tão fortes e sinceras. Sinto saudades de algumas coisas citadas no texto. Boas lembranças. Parabéns pelo post, muito reflexivo. Beijos no coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Márcia é engraçado como mesmo sendo tão inocentes nesta época, temos uma inteligência ímpar.
      Bjs!

      Excluir
  11. Oi Rose, tudo bem?
    Ser criança é bom demais, por diversas vezes nos vemos tão consumidos pela rotina diária que esquecemos das coisas simples e deliciosas da vida. Esse texto é bem nostálgico me levou de volta para a infância e me faz desejar ser criança de volta, ou pelo menos, ver o mundo de outra forma.
    Adorei o texto.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anna, o mundo pelos olhos de nossos pequenos é muito melhor e mais correto.
      Bjs!

      Excluir
  12. Olá Rose!
    Que texto legal.
    Eu bem queria isso, voltar ao tempo onde as coisas eram mais simples, onde tudo era mais facil e feliz. ^^

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Rose !!!
    Sabe, eu também queria pedir demissão, pena que não dá.
    Sinto tanta falta daquele tempo de inocência
    que só nos preocupávamos qual seria a próxima brincadeira
    Engraçado que queríamos tanto crescer, ser "mocinhas"
    ahhh se soubéssemos como dói crescer
    acho que o tempo passava mais devagar
    tão bom relembrar !!! amei seu texto !!! bjooo

    http://blogaventuraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Me identifiquei tanto com essa postagem que fiquei até sem palavras. Eu amém gostaria de pedir demissão e voltar para a parte fácil da vida, que era ser criança, onde eu me preocupava em apenas ser feliz. Pena que as coisas não são tão fáceis assim.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Ah como eu queria também, me demitir, alias, por algumas vezes faço isso, mas depois volto atrás, nunca quis ser adulta, aproveitei ao máximo minha criancice, minha infância, mas como muitas vezes queria voltar!!

    Beijos!!

    Viviana

    ResponderExcluir
  16. Adorei o texto. É bonitinho mas bem reflexivo. Vou até favoritar aqui pra mostrar depois pra uns amigos :)

    Abraço;

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Olha eu adorei o texto!
    To precisando pedir demissão também :)

    Boutique de Clichês

    ResponderExcluir
  18. Hahahah é nois! Cara, que coisa chata que é ser adulto. E quando éramos crianças queríamos tanto crescer! Achávamos que poderíamos fazer de tudo. Olha, só a saga do ''escolhe tua profissão''... ai que terror

    www.cantaremverso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Menina, que saudade que eu tenho da minha infância, queria muito poder voltar e só brincar rs'
    hoje quando ouço meus primos falando que querem crescer logo, falto pouco dar uns tapas, pois não sabem que a melhor fase da vida é a infância. Adorei o texto e quero muito essa carta!

    beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.