#Resenha O Poder da Espada

Oi amigos, hoje temos mais uma resenha da Olívia para vocês, espero que gostem!

O Poder da Espada - #1 série A Primeira Lei - Joe Abercrombie
480 páginas - Editora Arqueiro
Peguei esse livro para ler e cada página foi uma grande surpresa, me prendeu por completo e me deixou muito ansiosa para saber de toda a história. Esse é o primeiro livro da trilogia A Primeira Lei lançado pela Editora Arqueiro.
O mais interessante e que me prendeu a leitura foi a narrativa de diversos pontos de vista, mais de um personagem narra a sua história. Não é de todo um livro leve, há torturas e mortes, então para alguns a narrativa pode se tornar um pouco pesada, mas não tive dificuldade com a escrita, achei rápida, algumas partes não tão fluidas devido o conteúdo, mas há partes mais eletrizantes que se consegue ler com maior rapidez, só não gostei do tanto que a palavra desgraça fora expressa nele. Algo bem pessoal, não sou muito amante dessa palavra. Fora isso, foi uma leitura muito prazerosa.
Nesse primeiro volume é apresentado o Reino do Norte e o Reino do Sul, respectivamente corresponde aos nórdicos e a União, o povo bárbaro e o povo moderno. A União teoricamente é governada por um Rei que não tem voz nenhuma, todas as decisões são tomadas pelo Conselho Interno que possui uma cadeira vazia a espera do primeiro dos Magos que a ocupará quando for o momento certo. Normalmente isso ocorre em épocas de crise e pouco sabe sobre o mago. Esse conselho consegue se manter unido devido ao Chanceler Feekt por causa da luta interna por maior poder e representação nas decisões.
A justiça é realizada por meio do sistema inquisitorial, torturas e execuções são penas normalmente utilizada, e pouco se mede a forma persuasiva para fazer uma pessoa confessar seu crime, narrado de forma bem detalhada. O homem que executa essa justiça se chama Glokta que anteriormente fora o melhor espadachim da União e passa a ser um homem quebrado, manca de uma perna, deformado, desdentado, devido a uma tortura pela qual passou.
Estar na cabeça de Glokta não foi muito prazeroso. Ele é um homem muito rancoroso, e faz aquilo pelo qual passou nas masmorras, e fica se perguntando o motivo de fazer. Mas, faz com o maior afinco e cinismo, trai amigos e condena sem compaixão.
Enquanto o Arquileitor Sult planeja em deter maior poder sobre as decisões, manobrando o conselho e diminuindo a influencia dos mercadores no reino, há rumores de guerra vinda do norte, afinal o Rei dos Nórdicos parece estar querendo tomar a cidade, só que tudo fica no escanteio, o que importa é cada vez mais ter poder no reino. Os oficiais são deixados de lado, ignorados, todas as informações da possível invasão são ignoradas.
No exército o major West além de ter de treinar o capitão Jezal para uma luta de esgrima, ouvir sobre os rumores de uma guerra iminente, sua irmã Ardee aparece para que ele mostre a cidade de Agriont para ela, tarefa que ele joga encima de Jezal e depois fica arrependido porque Jezal não passa de um conquistador.
Jezal é o tipo riquinho, de família boa, que nunca precisou fazer muito para conseguir o que queria, o típico rapaz da União. De início como detestei esse Jezal. Paquerador/conquistador barato, jogador compulsivo (muito bom jogador, vence todas), não preza nada e nem ninguém, orgulhoso, cheio de si em tudo, e capitão dos oficiais.
Com a tarefa de mostrar a cidade para Ardee essa personalidade de Jezal passa a sofrer uma mudança. Ardee não é a típica dama em apuros que fica esperando socorro. Muito inteligente, sagaz, bonita (fora do padrão da moda, mas bonita), sabe o que quer, e melhor, sabe expressar o que deseja e fazer mudar tudo ao redor, apenas não é rica e nem de família de nome, não tem berço. Coisas que Jezal observa muito e jamais se misturaria com alguém assim, apesar de Ardee chamar muita atenção dele.
Gente, essa personagem é ótima, me conquistou, ri horrores das coisas que ela fazia com Jezal e até com Glokta (sim, ela tem uma história com o temível Glokta).
Enquanto o reino do Sul está desunido sem um governo central, no reino do norte pessoas estão morrendo, vilas inteiras então sendo devastadas, e poucos sobreviventes se salvam, foi o que ocorreu com a família de Logen Nove Dedos.
"Um minuto antes estivera prestes a entender todo aquele absurdo, mas o minuto passara e agora as coisas faziam menos sentido do que nunca. Olhou Nove Dedos, contudo aquele rosto cheio de cicatrizes não ofereceu respostas, apenas mais perguntas. Falar com espíritos? Foi campeão de Bethod, mas é inimigo dele? Atacado por uma mulher misteriosa no meio da noite? E nem sabe porque está aqui? Um mentiroso esperto conta o máximo de verdade que puder, mas este conta tantas mentiras que nem sei por onde começar."
Logen temível pelos seus feitos, o que fala com os espíritos, um nórdico que carrega a morte em cada poro de seu corpo, de aparência terrível devido a extensão das cicatrizes de batalhas, acaba por perder tudo, amigos, família e vila e na luta contra os Shankas sobrevive por pouco e acaba vendo o sul como única forma de obter vingança. Enquanto se dirige para lá encontra Malacus Quai o aprendiz de Boaz, o primeiro dos magos. Assim, Logen tem o caminho cruzado com Boaz e segue rumo para o Sul, afinal está na hora de Boaz voltar ao conselho e ajudar a todos nesse tempo difícil que virá, pois a magia está acabando...
Tudo e todos se voltam para cidade de Agriont, e a presença de Boaz causa a maior algazarra entre o conselho, afinal, os planos de domínio do Arquileitor Sult agora está ameaçado, Glokta não acredita em mágica, ou magos. Jezal desdenha de tudo e todos, Logen se vê em um mundo novo (afinal de onde vem a água para dentro da cidade – canos? Que é isso?)
Boaz se faz fundamental dando uma grande reviravolta em tudo, mostra pouco de seu poder, mas o pouco que mostra demonstra que tem bom humor e está ali para fazer a diferença e cumprir o seu papel como Primeiro dos Magos. Com a presença de Boaz a confusão fica exposta (e que confusão!), porque todos os olhos se voltam para ele e na ameaça que representa para os planos da política interna. Intercalada a isso ainda tem o Norte, os comedores de carne humana que estão chegando a cidade, e ainda há outros personagens que aparecem para acrescentar toda uma gama de suspense sobre o que virá.
O livro termina de forma que não tem como não desejar a leitura do próximo. Não sei quando farei, pois não tenho os outros volumes, esse foi emprestado. Mas, assim que ler continuo as resenhas. Um ótimo livro, recomendo a todos que gostam de leitura com muita aventura, ação, pitada de magia e bom humor, política e intrigas, tem partes até para aqueles que gostam de agressão. Indico. Leiam, leiam, leiam. Depois nos diga o que achou.
Confiram o book trailer:


a Rafflecopter giveaway

28 comentários:

  1. Eita Rose!
    O tipo de livro que me conquista e me deixa curiosa pela leitura.
    Adorei!
    “Saber encontrar a alegria na alegria dos outros, é o segredo da felicidade.” (Georges Bernanos)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Top Comentarista fevereiro, 4 livros e 3 ganhadores, participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amiga, esqueci de trocar a assinatura, a resenha é da Olívia. Mas o livro parece muito bom mesmo :)
      Bjs!

      Excluir
  2. Eu tenho esse livro, ganhei ele em um evento que teve aqui na minha cidade e nunca li, fico pensando que ele não seria o meu forte ou sei lá, por pura preguiça minha mesmo rs. Porém, ao ler essa resenha, simplesmente me apaixonei pela história e vou começar a ler o livro o mais rápido possível.
    https://nerdbookblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha só que legal. Esperamos que goste do livro.
      Bjs, Rose

      Excluir
  3. ai, é terrível quando acabamos um livro ansiosos e não temos a continuação já em mãos xD
    Pelo que vc postou na resenha, entendi que a leitura é realmente de ritmo fluído e intrigante... Já quero fazer a leitura hehehe
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria, é terrível mesmo! Por isso ultimamente estou preferindo esperar pelas continuações antes de começar uma série.
      Bjs, Rose

      Excluir
  4. Oi Rose, gostei muito da capa, mas não me conectei com o enredo, mesmo tendo alguns elementos que gosto, não achei uma história muito palatável. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena Gçeyse, fica para a proxima.
      Bjs, Rose

      Excluir
  5. Aíiii, fico completamente louca quando o livro possui continuação e até então não tenho ele em minhas mãos para continuar a leitura. Eu gostei muito da sua resenha e deste livro!
    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos duas! Dá uma coceira...
      Bjs, Rose

      Excluir
  6. Rose, adorei sua resenha! Não conhecia o livro mas fiquei bem curiosa.
    Algo que me deixa extremamente angustiada é esperar pelas continuações rsrsrsrs... vida de leitor é sofrida!

    Bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beta, realmente esperar as continuações é de matar o cara, ainda mais quando o livro é bom e termina de uma forma que deixa o leitor com o coração na mão.
      Bjs, Rose

      Excluir
  7. tem um ar que não me atrai, Rose, acho muito forte!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você gosta mais de romance né Thaila.
      Bjs, Rose

      Excluir
  8. Oie!
    Eu tinha já visto o livro e tal, mas não tinha me sentido muito atraída não, confesso. Mas agora com a sua resenha, fiquei muito curiosa, Morrendo da vontade de ler!
    Beijos,
    Déia
    Own Mine

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Déia. É bom quando temos a oportunidade de conhecer um pouco do livro.
      Bjs, Rose

      Excluir
  9. Olívia, não conhecia o livro, mas gostei dessa mistura de magia com ação e fiquei mega curiosa para ler o livro.
    Adorei a premissa.
    Já quero!

    Lisossomos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Déborah, eu sou super a favor de uma mistura como esta.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  10. Oi, Olívia.
    Já tinha visto esse livro, mas não tinha me interessado.
    Depois de ler a sua resenha percebi que fazia uma ideia errada sobre ele!!
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camis, na verdade eu já tinha interesse, a Olívia só fez meu interesse aumentar.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  11. Adoooooro esse tipo de história!
    Gostei da dica :D
    www.prateleirasemfim.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oie Olivia!
    Caramba, não tinha visto esse livro antes, a capa é tãããão linda!! Amo livros com diversos pontos de vista na narrativa, normalmente são os que me prendem mais! Acho que eu iria gostar muito desse livro pelo que você contou na resenha!!
    Beijos


    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lumartinho, é um livro que já me chamava atenção, agora então...
      Bjs, Rose.

      Excluir
  13. Oiee.. tudo bem?

    Apesar da história parecer interessante, este não foi um livro que me chamou muito atenção. Não gostei muito da premissa. E confesso que não tenho muita paciência para ler livro de séries! Esse negócio de ler e ficar aguardando - seja qual motivo - os outros volumes para ler me desanima completamente.

    Mas espero que em breve você consiga ler os demais volumes dessa série!

    Bj
    Keyla - http://www.blogleituraterapia.com.br/p/blog-page_20.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Keyla, sempre que posso prefiro esperar os volumes antes de começar a leitura, justamente para não ficar esperando lançamentos da continuação.
      Bjs, Rose.

      Excluir
  14. O livro é bom, tenho minhas duvidas pois conhecidos leram e falaram que é MUITO maçante o livro e a leitura se arrastou para eles :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica, isso acontece com livros com enredos mais extensos, assim só lendo mesmo para saber.
      Bjs, Rose.

      Excluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.