#Resenha Histórias de Shakespeare

Oi amigos, hoje tenho para vocês a resenha de um livro que foi pedido pela escolha dos meus filhos. Já tem um tempo que li, mas não tinha trazido a resenha para vocês. Desta vez vou falar um pouco de três clássicos do autor William Shakespeare.
Histórias de Shakespeare: Romeu e Julieta, A Megera Domada, A Tempestada - Coleção Quero Ler - Charles Lamb e Mary Lamb
80 páginas - Editora Ática
Este livro trás para os leitores, em especial os leitores mais novos, três histórias de Shakespeare de forma mais simplificada, ou seja, o mote principal de cada história está presente e é o mesmo, mas a forma como é contada é bem mais simples, sem aquela escrita mais rebuscada tão característica não só de Shakespeare como da época.
Romeu e Julieta como acho que todos devem saber, trás a história de amor impossível entre dois jovens cuja as famílias eram inimigas mortais.Querendo viver o amor sem ligarem para a guerra de suas famílias que nunca tinha fim, eles planejam um casamento às escondidas com a benção do padre. Mas algo dá errado, e o que acontece é uma tragédia contada e recontada até os dias de hoje.
 A Megera Domada conta a história de Catarina e Petruchio. Catarina e Bianca são duas irmãs completamente diferentes. Enquanto Bianca é doce e quer namorar, Catarina é uma verdadeira megera, que não pensa em namoros, pois para ela não há nada pior do que receber ordens, principalmente dos homens machistas e estúpidos. O problema é que o pai das duas impõe que a caçula só poderá casa quando Catarina o fizer. Por conta disso, os pretendentes da bela bolam um plano, pedindo que Petruchio comece a cortejá-la a fim de casar com a moça e com isso tomar pose do polpudo dote da moça. Petruchio que não conhece a moça, aceita o desafio e o resultado são brigas homéricas e pra lá de engraçadas. Bem ao estilo gato e rato, esta dupla aos poucos vai descobrindo que não conseguem viver longe um do outro.
A Tempestade conta a história dos irmãos  Próspero e Sebastião. Próspero que é o duque de Milão foi enganado pelo irmão e acabou sendo enviado para uma ilha junto com sua amada filha. Porém acaba cindo em suas mãos a oportunidade de se vingar do irmão. Mas a vingança não é algo tão simples assim, e o verdadeiro poder nem sempre está onde imaginamos. Um enredo com amor, traições, vinganças e conspirações com toda a genialidade típica do autor.

Leitura rápida e recomendada para todas as idades.
Esta resenha faz parte do Desafio Literário 2017. Quem quiser ler as outras resenhas do desafio, basta clicar abaixo:

6 comentários:

  1. shakespeare é sempre um mestre das palavras e suas histórias nunca perdem a magestade
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo Thaila, seus enredo são únicos e sempre atuais.
      Bjs, Rose

      Excluir
  2. Bem legal sua resenha, nunca cheguei a ler nada de Shakespear. Acho que ainda não me senti pronta. Quem sabe um dia.

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karine, quem sabe pegando uma adaptação como esta você se empolgue a conhecer os originais?
      Bjs, Rose

      Excluir
  3. adoro Shakespeare, mas ainda não li A megera,apesar de conhecer a trama... essas adaptações só deixam o leitor instigado a ler a obra na íntegra hahaha
    bjs :D

    ResponderExcluir
  4. Oi, Rose!
    Tudo bem? Acho muito legais esses livros que trazem histórias clássicas de maneira mais simplificada, para que crianças possam ler e compreender melhor. Acho que esses livros são uma ótima forma de incentivar a leitura e despertar a curiosidade para conhecer as obras na íntegra.
    Lembro que quanto estava na escola li alguns livros como esse, incluindo uma adaptação de Romeu e Julieta. Depois já na adolescência, li alguns livros do Shakespeare para o vestibular e até por vontade própria, incluindo essas três histórias presentes nesse livro.
    Beijos!

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.