#Resenha Conquistada Por Um Visconde #1/3

Oi amigos, hoje começo para vocês a resenhar uma série que há muito tempo eu queria ler. Vamos lá?
Conquistada por um Visconde - #1 Trilogia Irmãs Cynster - Stephanie Laurens
368 páginas - Harper Collins
Falta pouco para Heather Cynster ser considerada "passada" para a sociedade. Cansada de esperar pelo herói tão sonhado, ela vai a um baile de reputação duvidosa. Mas sua alegria dura pouco, pois o visconde Breckenridge, antigo amigo dos Cynster não pensou duas vezes em mandá-la para casa.
O que ambos não esperavam é que Heather fosse sequestrada antes de entrar em sua carruagem. Em uma corrida desesperada, Breckenridge tenta alcançar os sequestradores e salvar Heather.
Ele não contava que Heather tivesse outros planos, como em descobrir quem era o mandante de seu rapto. Contrariando toda a lógica Heather segue em cárcere, enquanto Breckenridge acompanha os raptores de longe.
Com poucas informações conseguidas e sem mais tempo para esperar, Heather e Breckenridge fogem em plena Escócia, tendo apenas um ao outro. Eles precisavam chegar as terras do irmão de Heather, o que não seria nada fácil, pois além de estarem a pé, o frio escocês que planejou o sequestro estava no encalço dos dois.
E em meio a esta fuga, tanto Heather quanto Breckenridge perceberam que os sentimentos que nutrem um pelo outro estão mudando.
Breckenridge só pensa em proteger Heather a qualquer custo e quando ela estiver em segurança, pensaria em um modo de fazê-la entender que juntos seriam felizes, e tirar de uma vez a ideia dela ficar solteira. 
Mas a pergunta principal é, quem é este misterioso e perigoso escocês que está atrás das Cynster.
Eu confesso que esperava mais do enredo. Até gostei dos personagens, o problema é que achei a narrativa um pouco travado, com alguns acontecimentos sendo esticados desnecessariamente.
Em compensação, este misterioso escocês me encheu de curiosidade, o que me faz querer continuar com a série.

Esta resenha faz parte do meu Desafio Literário Livreando 2018 (#DLL2018), no item "um livro com capa amarela". Para ler outras resenhas deste desafio, basta clicar na imagem abaixo:



#Resenha Conquistada Por Um Visconde #1/3

Oi amigos, hoje começo para vocês a resenhar uma série que há muito tempo eu queria ler. Vamos lá?
Conquistada por um Visconde - #1 Trilogia Irmãs Cynster - Stephanie Laurens
368 páginas - Harper Collins
Falta pouco para Heather Cynster ser considerada "passada" para a sociedade. Cansada de esperar pelo herói tão sonhado, ela vai a um baile de reputação duvidosa. Mas sua alegria dura pouco, pois o visconde Breckenridge, antigo amigo dos Cynster não pensou duas vezes em mandá-la para casa.
O que ambos não esperavam é que Heather fosse sequestrada antes de entrar em sua carruagem. Em uma corrida desesperada, Breckenridge tenta alcançar os sequestradores e salvar Heather.
Ele não contava que Heather tivesse outros planos, como em descobrir quem era o mandante de seu rapto. Contrariando toda a lógica Heather segue em cárcere, enquanto Breckenridge acompanha os raptores de longe.
Com poucas informações conseguidas e sem mais tempo para esperar, Heather e Breckenridge fogem em plena Escócia, tendo apenas um ao outro. Eles precisavam chegar as terras do irmão de Heather, o que não seria nada fácil, pois além de estarem a pé, o frio escocês que planejou o sequestro estava no encalço dos dois.
E em meio a esta fuga, tanto Heather quanto Breckenridge perceberam que os sentimentos que nutrem um pelo outro estão mudando.
Breckenridge só pensa em proteger Heather a qualquer custo e quando ela estiver em segurança, pensaria em um modo de fazê-la entender que juntos seriam felizes, e tirar de uma vez a ideia dela ficar solteira. 
Mas a pergunta principal é, quem é este misterioso e perigoso escocês que está atrás das Cynster.
Eu confesso que esperava mais do enredo. Até gostei dos personagens, o problema é que achei a narrativa um pouco travado, com alguns acontecimentos sendo esticados desnecessariamente.
Em compensação, este misterioso escocês me encheu de curiosidade, o que me faz querer continuar com a série.

Esta resenha faz parte do meu Desafio Literário Livreando 2018 (#DLL2018), no item "um livro com capa amarela". Para ler outras resenhas deste desafio, basta clicar na imagem abaixo:



Editoras Parceiras