Estante Nacional #23 + Book Tour




Oi amigos, hoje é terça feira e como vocês estão acostumados, dia de "Estante Nacional". Hoje é um pouco mais especial pois junto temos um "Book Tour Manfelos" promovido pela Camila Darc do blog No Limite da Leitura.
Vamos conhecer um pouco do livro?
Manfelos - Rafael de Souza
A distorção da realidade - vol. 1
Editora Dracaena - 336 páginas

Manfelos é o primeiro volume de uma série formada por:
Vol. 1 - Manfelos - A Distorção da Realidade;
Vol.2 - Manfelos - Repercussões do Caos;
Vol.3 - Manfelos - A Retenção de Esmallerz;
Vol.4 - Manfelos - Origens.
Por ser o volume 1, como o próprio prólogo explica, o livro começa contando a vida de Fred Gordon. Um garoto até então normal de 18 anos que vivia no Canadá com a mãe e a irmã. Depois de um sonho que teve com seu falecido pai, a vida de Fred muda radicalmente, e por tabela a de seu amigo Leonardo, que mesmo sem querer entra nesta aventura. 
Fred acaba descobrindo que é a quinta geração de um único feiticeiro, e que por isso é o único capaz de derrotar Esmallerz, o demônio que fugiu do inferno e tomou o corpo de Mandraco, o rei de Manfelos. Por conta disso, Manfelos está sendo destruída, pois Esmallerz faz as pessoas adoecerem, perderem as esperanças e morrerem. Ele espalha o caos pela cidade.
Mas, para por fim a toda esta maldade, Fred e seus novos amigos precisam conhecer "a profecia", que explica como derrotar este forte demônio.
É um livro repleto de lutas, a eterna luta entre o bem e o mal. A realidade de Fred parece um sonho, e seus sonhos são chaves para a realidade. A história é interessante, mas eu não me identifiquei com a história e nem com os personagens. Apesar do ritmo até rápido dos acontecimentos, não me senti muito empolgada com a leitura. Isso talvez tenha ocorrido por conta de dois detalhes, a linguagem dos meninos em alguns momentos não combina com a faixa etária deles ou a época. Pelo que pude ver os acontecimentos se desenrolam em uma época próxima a que vivemos, pois é citado celular e aparelhos eletrônicos. Para vocês terem uma noção do que estou falando, separei algumas palavras ditas por Leo e Fred:
  • Galeando= movimento de zigue zague;
  • Pressuroso= apressado;
  • Amarfanhado= amarrotado.
Não acho que rapazes da nossa época saiam usando estes termos no dia a dia durante uma conversa. Outra coisa que achei um pouco fora da realidade, foi o fato de ao acordar do sonho que teve com seu pai, Fred ligar para seu amigo no meio da madrugada e combinar de se encontrar com ele em uma praça, que naquele horário lógico estaria deserta. Não acho que dois jovens fariam isso, um encontro no meio da madruga apenas para falar sobre o sonho que tivera. Porque não pelo próprio celular ou no outro dia? Achei estranho.  Como eu disse, não houve uma empatia minha com a história, mas mesmo assim quero ler a sequência de Manfelos e ver em como tudo isso vai acabar.

a Rafflecopter giveaway

7 comentários:

  1. Rafael de Souza9/10/12

    Olá, Fábrica de convites.
    Tudo bem?!

    Há dois pontos na resenha sobre os quais quero comentar.
    1 - A respeito das palavras. Galear, Pressuroso e Amarfanhado não são palavras que estão nas falas dos personagens. Elas estão inseridas na narrativa pós-fala, ou seja, o adendo que vem depois.
    2 - A atitude de Fred em marcar o encontro na madrugada faz parte do universo de literatura fantástica. Sei que não condiz com a "realidade". Mas também não condiz demônios e super poderes, não é?
    Por ser um livro de ficção, quaisquer que sejam as situações fora do "mundo real" são válidas. Afinal, é uma história de terror e heróis.
    Fico contente que queira acompanhar os próximos volumes da saga. Espero trazer novas visões e melhorias aos leitores.

    ResponderExcluir
  2. Oi Rafael, um prazer falar contigo. Obrigada pelos esclarecimentos, mas eu acho que mesmo sendo um adendo não combinou com eles (minha opinião tá?). Concordo contigo em relação a ficção, aliás quando leio, já imagino sendo tudo verdade, acho que por isso me emociono tanto em vários livros, mas durante a leitura infelizmente não tive isso. A luta no final e toda a história em si, me deixaram curiosa sim em continuar com os outros volumes. 
    Bjs e sucesso.
    Rose.

    ResponderExcluir
  3. Essa temática não me interessa...

    Bjo.

    ResponderExcluir
  4. Camila Darc10/10/12

    flor, q pena q vc nao gostou do livro, pois eu amei! Achei q o Rafael soube levar o enredo de forma bem atraente e agil! Mas... cada um com sua opiniao certo? :d
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Camila, uma pena mesmo, pois apesar de achar a história interessante, não consegui me envolver com ela. Quem sabenos próximos volumes né?
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  6. Rafael de Souza13/10/12

    Obrigado, Camila!
    Repercussões está quase pronto. Vocês não fazem ideia da surpresa que está por vir nas mais de 400 páginas do volume 2! Em 2013!

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.