#Resenha A Soma de Todos os Beijos #3/4

Oi amigos, hoje é dia de retomar as resenhas do box Quarteto Smythie-Smith da Julia Quinn. Dando sequência a série, tenho para vocês desta vez a resenha do volume 3, espero que gostem!

A Soma de Todos os Beijos - #3 Quarteto Smythie-Smith - Julia Quinn
272 páginas - Editora Arqueiro
Hugh Prentice sempre foi muito bom com números, não por um acaso era imbatível nos jogos de cartas. 
Sua fama era conhecida e eram poucos os que ainda apostavam a dinheiro com ele. Mas, em uma noite de muita bebida, ele e seu grande amigo Daniel Smyhie-Smith, ambos completamente bêbados, estavam jogando e apostando. Para surpresa geral, Daniel acabou ganhando a partida. Sem pensar muito, (até porque com a cabeça cheia de pinga, quem vai pensar...) Hugh acusa Daniel de roubo e para limpar sua honra, o chama para um duelo. Daniel que também estava mais pra lá do que para cá, aceita. E o que seria apenas um encontro de cavalheiros acabou resultando em um grande desastre, deixando Hugh com uma perna defeituosa e com Daniel fugindo do país por conta das ameaças do pai de Hugh. 
No livro, cujos os acontecimentos ocorrem após a volta de Daniel, temos o encontro entre Hugh e Sarah. Vale ressaltar aqui, que ambos nutrem uma antipatia mútua. Hugh acha Sarah muito melodramática, fútil e desbocada, Sarah acha Hugh arrogante, além de culpá-lo por todo o mal que aconteceu a família Smythie-Smith, inclusive o fato dela não ter se casado ainda, pois a melhor de todas as temporadas fora perdida por conta do escândalo com seu primo Daniel.
Ambos irão ao casamento de Honória (livro 1) e posteriormente ao de Daniel (livro 2), sendo que no  de Daniel, Hugh será o padrinho. Um jeito de mostrarem que as coisas entre eles está totalmente zerada.
A pedido de Honoria, Sarah será a encarregada de entreter Hugh, e para não fazer desfeita para a prima tão querida e justamente no casamento dela, ela acaba aceitando. Vocês já devem imaginar as muitas saias justas e cutucadas que estes dois terão, não é mesmo? 
O engraçado, pelo menos para nós leitores, é que do casamento de Honoria para o de Daniel, eram poucos dias de diferença, então os convidados foram praticamente de um local para o outro, sendo que os mais "chegados" ficariam hospedados na casa de Daniel. Hugh não conseguiu se safar, e teve que acompanhar toda a comitiva, e pasmem, bem na carruagem onde Sarah e suas primas estavam!!
Garanto para vocês que foi uma viagem e tanto...
Aliás, é depois desta viagem que Sarah começa a perceber as dificuldades enfrentadas por Hugh. Aquela raiva e implicância começa a dar lugar para outros sentimentos. Hugh também começa a pensar em Sarah de outra forma. Não que o lado melodramático dela não exista, mas outras camadas da moça começam a serem notados. Ambos desenvolvem uma camaradagem que antes parecia impossível. 
Um homem no lugar de Hugh não pensaria muito em firmar um relacionamento com Sarah, mas para nosso mocinho, as coisas não são tão simples assim. Além de não ser o herdeiro do título da família, pesa também o seu problema na perna, o qual ele não se sente à altura de Sarah. Há ainda o problema de Daniel, visto que a segurança do amigo está diretamente relacionado à vida de Hugh. Uma promessa feita ao próprio pai para que Daniel pudesse voltar em segurança para seu país, pode afastá-lo de vez de Sarah. É a vida dele em troca da de Daniel.
Hugh e seu pai não se dão nada bem. Acontece que Hugh, mesmo sendo mais novo que seu irmão, e como já disse, não seria o herdeiro do título, é na verdade o preferido do pai para a herança da família. Mas não pensem que isso é por conta do afeto paterno, e sim porque o pai acredita que apenas Hugh seria capaz de lhe dar um herdeiro e continuar com o título da família. Por isso a vida de Hugh é tão importante.
Esta briga acaba gerando uma situação terrível, onde o pai de Hugh está disposto a tudo para que ele se case com Sarah, mesmo que o rapaz ou a própria Sarah não queiram. Para piorar ainda mais, o próprio Daniel parte em socorro ao amigo, sem pensar que ele próprio pode estar em perigo.
E nesta confusão, é Sarah que com a típica inteligência feminina parece ter encontrado a saída ideal para todos os lados. Mas será que todos ficarão satisfeitos com sua ideia? Ela aceitará se casar com Hugh, mesmo que a vida dele esteja tão ligada a vida do primo? Quais serão os desdobramentos provocados por uma promessa de vida?
Eu estou encantada com esta série e seus personagens, mas Hugh, conseguiu ganhar um pedacinho a mais do meu coração. Não só pela louca promessa feita para ajudar ao amigo Daniel, como também pelo amor que ele sente e mostra pelo irmão. Achei muito linda a cena em que ele defende a escolha sexual de seu irmão. Uma pena que não teremos uma história do irmão dele...
Outra cena que adorei foi uma valsa entre Hugh e Sarah. Foi de arrancar suspiros apaixonados dos leitores. Quer dizer, desta leitora em questão. 
No início vamos conhecendo os fatos através da narrativa de Hugh e Sarah, o que deixa o leitor bem a par dos acontecimentos e dos motivos de ambos não se bicarem. Outro ponto que gostei do enredo.
Com uma trama belamente traçada, onde temos temas como homossexualismo e deficiência física sendo abordados, justamente em uma época onde o diferente não é bem quisto, Julia mostra que o verdadeiro amor e respeito são as bases para uma relação que nem o melhor dos matemáticos pode explicar.

44 comentários:

  1. Olá minha flor! Amei o teu cantinho...tem tanta coisa boa por aqui. Sempre estarei te visitando. Muito obrigada pelos comentários. Esse livro parece muito legal. Achei interessante esses temas que foram abordados. Ah...fiquei com peninha do Hugh, realmente tem muita gente na vida real igual ele...nao se acha a altura da outra pessoa e acaba perdendo um grande amor.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paloma, obrigada pelo carinho e seja sempre bem vinda!

      Excluir
  2. Ain, preciso tanto ler esse livro. Aliás, preciso tanto ler essa série.
    Acho as histórias encantadoras e as capas lindas.
    Gostei de saber mais sobre a trama e não vejo a hora de ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim Beatriz, a série está muito boa.
      Bjs

      Excluir
  3. flor, confesso que só dei aquela passadinha de olhos pela resenha pois estou lendo-o no presente momento kkk mas estou amando a série de Julia
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila, apesar de não ter nada de spoiler, é sempre bom deixar a surpresa guiar. A série é ótima mesmo,
      Bjs

      Excluir
  4. olá *--*
    estou doida pra ler essa serie mais ainda não posso T.T tenho que terminar os bridgertons , mais essas capas são lindas <3

    bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sara, as capas estão bonitas mesmo, e assim como Os bridgertons, você vai gostar e rir com os Smythie-Smith.
      Bjs

      Excluir
  5. Olá!
    Olha, me desculpe, mas eu realmente não entendo o fascínio que tantas leitoras têm pelos livros de Julia Quinn, eu acho os enredos tão previsíveis e as protagonistas tão arquétipas! Sinceramente, não é uma literatura que me interesse, mas sua resenha ficou muito bem estruturada e para alguém que queira conhecer o trabalho da autora, é um bom incentivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andrea, tudo é uma questão de gosto, apenas isso. Uns gostam, outros não. Assim como uns gostam e Harry Potter e outros não... Não sei o que você quis dizer com arquétipas, afinal elas tem que de alguma forma representarem o padrão da época. Se fugirem tanto, correm o risco de não agradarem. Como fazer um romance de época se a protagonista não for de época???
      Beijos.

      Excluir
  6. Eu estou louca para ler essa série! Preciso urgentemente comprar esse quarteto ou vou ficar doida a cada resenha deles que eu leio! Quero :(
    Ótima resenha!
    Beijokas
    Thaisa Lima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaisa, leia sim, vai gostar.
      Bjs

      Excluir
  7. Quero ler essa série, pois ainda não conheço a escrita da autora. A personagem parece ter um gênio forte ou ambos, deve arrancar risadas dos leitores os dois com suas diferenças. Gostei do romance deles que no começo parecia improvável é que foi construído aos poucos conforme foram se conhecendo melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, o romance deles é mesmo improvável, mas eles acabaram se completando de uma forma bem bonita.
      Bjs

      Excluir
  8. Nossa só me deu mais vontade ainda de conhecer essa autora.
    Ainda não consegui ler nada dela acredita rs ..
    Espero conhecê-la ainda esse ano.

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Um dos melhores livros dessa série da Julia, os temas abordados mesmo sendo de época são bem atuais.
    Sou apaixonada pela escrita, vamos lendo e nem percebemos.
    Adorei a seleção dos quotes.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Camila, pois é, uma leitura que quando vemos, acabou.
      Bjs

      Excluir
  10. Rose!
    Pelo visto esse é o livro mais carregado de 'problemas' da série, onde os protagonistas se antipatizam no início e apenas depois é que descobrem que não são quem realmente pensam um do outro, alé dos problemas físicos de Hugh e do tema homossexualismo ser abordado.
    Desejo um ótimo final de semana!
    “ O amor é a sabedoria dos loucos e a loucura dos sábios.” (Samuel Johnson)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP COMENTARISTA ABRIL especial de aniversário, serão 6 ganhadores, não fique de fora!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy, sim, foi o livro com mais temas polêmicos abordados, e de uma forma muito boa.
      Bjs

      Excluir
  11. Oi, tudo bem?
    A Julia Quinn sabe escrever romances que fazem a gente suspirar né? Só pela sua resenha já senti que vou me apaixonar pelo Hugh e torcer muito para este casal.
    Por enquanto, ainda estou lendo a série Os Bridgertons, mas espero ler essa nova série em breve. Tenho certeza que será uma leitura tão apaixonante quanto a outra.
    Adorei sua resenha e a dica já está mais do que anotada.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria, sim, vai gostar como gosta dos Bridgertons.
      Bjs

      Excluir
  12. Olá,
    Fiquei surpresa e achei bem ousado a autora conseguir tratar dos temas homossexualismo e deficiência em um romance de época de forma tão leve e cativante.
    A premissa é bem interessante e fiquei curiosa para saber todos os motivos pelos quais Sarah e Hugh não se bicam muito.
    Adorei saber suas impressões e a capa é muito bonita!!

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michele, a Julia, usou estes temas, mas nada de forma pesada.
      Bjs

      Excluir
  13. Olá, tudo bem?
    Eu acho essa capa a mais linda, e o título é puro amor!
    Adorei a sua resenha, estou me convencendo aos poucos que devo dar uma nova chance a autora, pois só leio elogios a essa nova série.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rayanni, sempre é bom ler outra coisa de um autor, seja ele quem for.
      Bjs

      Excluir
  14. Oi Rose, esse título é um trocadinho com um outro livro muito famosos do Tom CLancy hehe. Não sei se a Julia Queen traz nessa nova série a mesma qualidade dos bridgertons, não consegui ficar tão interessada nessa nova história. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gleyse, eu gostei muito desta série, e arrisco dizer que ela levantou alguns temas mais polêmicos do que nos Bridgertons.

      Excluir
  15. Olá,

    Ontem fui ao evento da editora sobre romances de época, e vi muitas divididas sobre essa série, tem quem ama e aqueles que preferem os Bridgertons. Como ainda não li nenhum livro ainda, só fiquei mais curiosa ao saber mais detalhes sobre a história. Quero logo saber se irei gostar ou não.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thayenne, acho natural a divisão, eu mesma acho que prefiro os Bridgertons, talvez por serem em maior número, mas a família Smythie-Smith também é ótima e Julia trás alguns temas polêmicos bem interessantes.
      Bjs

      Excluir
  16. Não vejo a hora de conferir essas histórias e me encantar. Imagino as diversas situações do casal. A começar pela antipatia mútua, com certeza é sinônimo de confusão.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tammy, muita confusão mesmo.
      Bjs

      Excluir
  17. Antigamente eu estava me negando a ler essa série. Sabe quando a maioria fala só de uma coisa e isso irrita? Pois é, kkk.
    Mas agora eu tô começando a ficar interessada e pretendo em breve, dar uma conferida nessas obras.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dê uma olhada sim, vai que gosta.
      Bjs

      Excluir
  18. Nossa para todos​ os lados que giro todos estão lendo e fazendo resenha dessa série. Estou com os dois primeiros aqui em casa, mas ainda não tive coragem de ler. Mas fico feliz por perceber, a cada opinião positiva que leio que a Júlia Quinn conquistou fãs fiéis. Gostei de conferir suas impressões e espero conseguir ler logo. Beijos

    Leituras, vida e paixões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim Aline, vale a pena conferir.
      Bjs

      Excluir
  19. Olá! Estou curiosa para ler essa coleção. Espero ter a oportunidade em breve.
    A capa está muito bonita e as histórias cada vez mais interessantes.
    super bjooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que leia e goste, Lorena.
      Bjs

      Excluir
  20. Rose, eu não li nenhum dos livros dessa série, mas estou desejando demais.
    As capas são lindas e as histórias são bem do jeitinho que eu amo.
    Apaixonei mais um pouco lendo a sua resenha.

    ResponderExcluir
  21. Oi, Rose.
    Normalmente eu nunca fico tentada a ler algum livro da Julia Quinn, pois eu tive uma experiência com a autora que não foi positiva.
    Mas, fiquei com vontade de ler este livro, sabe? As características dele chamaram a minha atenção. Quem sabe ele faz eu mudar de opinião em relação a autora.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thamiris, sempre vale a pena dar uma segunda chance para qualquer autor.
      Bjs

      Excluir
  22. Oi, tudo bem?
    Comprei o box mês passado mas ainda não consegui ler.
    Adoro histórias em que os personagens nutrem essa antipatia um pelo outro e mal poso esperar pra ler este livro!
    Bjs

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.