#Resenha DangeRock 3: Phill

Oi amigos, hoje venho com a última resenha da Trilogia DangeRock. Espero que gostem!
DangeRock3: Phill - M.S. Fayes
360 páginas - Editora Pandorga
Phill levava a vida de forma despreocupada e alegre. O baixista sexy da DangeRock sempre tinha uma piada na ponta da língua e mulheres ao seu redor.
Apesar do sucesso, Phill era no fundo um rapaz bem família, completamente apaixonado pelo sobrinho Max.
Agora que seus amigos de banda estavam todos apaixonados, ele voltava a lembrar do amor que a vida arrancou de sua vida. Fora que a data que marcou o enterro de seu coração estava chegando, o que não ajudava o seu tão conhecido humor.
Mas quando Brooke cruza seu caminho, Phill não imaginava que ajudá-la a socorrer a pequena Liv mudaria completamente sua vida.
Brooke era tia de Liv, a única que se importava com a bebê, pois sua mãe a abandonara já na maternidade e seu pai, um roqueiro em início de carreira, mas com uma soberba maior que o próprio talento, nem pensava em filhos.
Pensando apenas em ajudar o bebê, Phill amparou Brooke em um momento difícil, o que não o impediu de notar a beleza contida na tatuadora. Cansada e sofrendo pela saúde de Liv e todos os acontecimentos desde o seu nascimento, a presença de Phill foi um alívio muito bem vindo.
Nenhum dos dois estava preparado para os sentimentos que estava nascendo entre eles. Principalmente Phill, que apesar do tempo, não havia enterrado seu amor por Melaine. Com o coração parado no passado, era impossível para ele deixar que um novo amor tomasse conta de seu coração. Acontece que Brooke não queria um amor parcial, era tudo ou nada. E mesmo com o coração em pedaços, ela preferia deixar Phill do que dividi-lo com um fantasma.
Resta saber se Phill ia preferir ficar no passado ou construir um futuro.
De todos os membros da banda, Phill sem dúvida roubou meu coração. Um enredo onde a família e o amor são a base de tudo. E mostra que família, não é apenas aquela que carrega nosso DNA. Destaque para o humor sem igual de Phill, que com suas tiradas nada normais arranca risadas em toda a trilogia. 

Perdeu as resenhas anteriores? Então clique abaixo e leia!
Este livro foi lido para o meu Desafio Literário 2019 Ig´s Irmãos com o item "livro de capa dourada"
Gostou? Aproveite e compre o seu:


#Resenha DangeRock 3: Phill

Oi amigos, hoje venho com a última resenha da Trilogia DangeRock. Espero que gostem!
DangeRock3: Phill - M.S. Fayes
360 páginas - Editora Pandorga
Phill levava a vida de forma despreocupada e alegre. O baixista sexy da DangeRock sempre tinha uma piada na ponta da língua e mulheres ao seu redor.
Apesar do sucesso, Phill era no fundo um rapaz bem família, completamente apaixonado pelo sobrinho Max.
Agora que seus amigos de banda estavam todos apaixonados, ele voltava a lembrar do amor que a vida arrancou de sua vida. Fora que a data que marcou o enterro de seu coração estava chegando, o que não ajudava o seu tão conhecido humor.
Mas quando Brooke cruza seu caminho, Phill não imaginava que ajudá-la a socorrer a pequena Liv mudaria completamente sua vida.
Brooke era tia de Liv, a única que se importava com a bebê, pois sua mãe a abandonara já na maternidade e seu pai, um roqueiro em início de carreira, mas com uma soberba maior que o próprio talento, nem pensava em filhos.
Pensando apenas em ajudar o bebê, Phill amparou Brooke em um momento difícil, o que não o impediu de notar a beleza contida na tatuadora. Cansada e sofrendo pela saúde de Liv e todos os acontecimentos desde o seu nascimento, a presença de Phill foi um alívio muito bem vindo.
Nenhum dos dois estava preparado para os sentimentos que estava nascendo entre eles. Principalmente Phill, que apesar do tempo, não havia enterrado seu amor por Melaine. Com o coração parado no passado, era impossível para ele deixar que um novo amor tomasse conta de seu coração. Acontece que Brooke não queria um amor parcial, era tudo ou nada. E mesmo com o coração em pedaços, ela preferia deixar Phill do que dividi-lo com um fantasma.
Resta saber se Phill ia preferir ficar no passado ou construir um futuro.
De todos os membros da banda, Phill sem dúvida roubou meu coração. Um enredo onde a família e o amor são a base de tudo. E mostra que família, não é apenas aquela que carrega nosso DNA. Destaque para o humor sem igual de Phill, que com suas tiradas nada normais arranca risadas em toda a trilogia. 

Perdeu as resenhas anteriores? Então clique abaixo e leia!
Este livro foi lido para o meu Desafio Literário 2019 Ig´s Irmãos com o item "livro de capa dourada"
Gostou? Aproveite e compre o seu:


Editoras Parceiras