#Resenha Para Sempre Sua #3/5

Oi amigos, hoje sigo falando mais um pouco da série Crossfire. Desta vez vou falar sobre o livro 3. vamos lá?
Para Sempre Sua - #3 série Crossfire - Sylvia Day
312 páginas - Editora Paralela
Depois do desfecho do livro 2, Profundamente Sua, o que temos agora é Eva e Gideon tentando levar a vida adiante e lidando com o peso das consequências da atitude tomada por Gideon.
Ainda receosos de mostrarem ao mundo que se amam e estão juntos, eles começam a viver um namoro clandestino, onde apenas eles e Angus, segurança e motorista de Gideon, sabem a verdade.
O plano era anunciar a reaproximação deles aos poucos para que não levantasse nenhum tipo de suspeita.
Fora o medo e o peso da investigação, Eva e Gideon tem que lidar com a presença dos seus respectivos ex, Corinne (a psicopata) e Brett Kline (o gato sem dono).
Para colocar mais lenha na fogueira, o pai de Eva acaba descobrindo sobre o terrível passado da filha. Fora que ainda entra em cena Deanna Johson, uma repórter inescrupulosa e mal comida (desculpem as palavras mais pesadas, mas é isso que ela é mesmo), que quer se vingar de Gideon a todo custo, e está cavando fundo em tudo que é lado para descobrir os podres dele.
Em meio a tantas turbulências, o casal tenta fortalecer o amor deles e a confiança que tem um pelo outro. Enquanto eles não conseguem viver separados, o mundo parece conspirar pela separação deles. 
 Para uma relação estável e com pessoas "centradas" já seria complicado, então imaginem para um casal que cada dia tem que vencer o passado de abuso... Gideon e Eva tem tudo para dar errado, mas estão dispostos a mudarem esta história.
Dizer que não gostei do livro é exagero, mas algumas coisas me incomodaram um pouco. Apesar do bom conteúdo do enredo, achei algumas partes meio repetitivas, ou mesmo descartáveis. Era como se o enredo não andasse para frente. O excesso das cenas de sexo também acabaram contribuindo para isso, mas esta parte é até justificável, pois ambos estão tentando resolver seus problemas através do sexo. 
Em contrapartida, foi bom ver Gideon invertendo o papel com Eva, e ela precisando ser a força de sustentação dele e do relacionamento.
Eva é uma personagem que me deixa em cima do muro. Ao mesmo tempo que gosto dela, também quero matá-la. A mãe dela definitivamente não ganha minha simpatia. Cary é uma espécie de farol para Eva, mas se meteu em uma merda que com certeza vai feder...
Gideon é ... Gideon. Não dá para duvidar do amor dele por Eva, é algo palpável, e por mais que o homem das cavernas venha a superfície em vários momentos, você percebe a vulnerabilidade existente nele, o que acaba contribuindo para que eu não ficasse com raiva dele por muito tempo.
Ri em muitos diálogos do casal, que aliás tem se comunicado mais entre si. Outro ponto positivo são as histórias paralelas dos coadjuvantes, que mesmo não tendo grandes destaque na narrativa, chamam a atenção e dão um bom toque na trama. 
Continua bem curiosa em como esta série vai terminar, e seguirei firme com a leitura dos outros livros. E você, já leu esta série? O que está achando dela até aqui onde contei?

perdeu as resenhas dos livros anteriores? Então clique abaixo e confira!


12 comentários:

  1. Olá!! :)

    Eu confesso que nunca tinha ouvido falar deste livro, mas a autora já e bem famosa dentro do género!...

    Bem, eu não quero ler porque não gosto de romances eróticos, mas ainda bem que apreciaste. Espero que tenhas gerado interesse de muitos.

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  2. eu não sei, tenho um certo nariz torcido para essa série, não sei muito se os personagens me cativariam e a série é longa
    https://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Thaila, agora que terminei a leitura, acho que a série foi esticada sem muita necessidade. Mas o mote do enredo que fala sobre abuso infantil é muito bom, gostei disso.
      Bjs, Rose

      Excluir
  3. Olá!Tudo bem?
    Nunca me interessei pelos livros da Sylvia Day,sempre que são HOTS demais e intensos demais não fazem meu tipo.
    Alem de tocar em assuntos bem problemáticos.
    Gostei de sua resenha.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thalia, sim estas são as características da autora.
      Bjs Rose

      Excluir
  4. Tenho um amorzinho por essa série, eu a li antes de 50 tons e me choquei por ser novidade na época, mas adoro. Parabéns pela resenha :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagino o choque para quem não está acostumada.
      Bjs Rose

      Excluir
  5. Oi Rose, como já te falei, não sou chegada no gênero, mas confesso que fiquei tentada a comprar quando cheguei nas Americanas e vi que havia vários desse em oferta. Não comprei pq estou cheia de pendências aguardando na estante kkk. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gleyse, nem me fale em pendência....kkkk
      Bjs Rose

      Excluir
  6. Olá! Essa coleção realmente parece ser interessante. Tenho visto muitos comentários e acredito que val a pena ler todos. Muito boa a resenha, bjo

    ResponderExcluir
  7. Olá! Tenho acompanhado as resenhas dos livros e estou curiosa para ler mas ainda não tiver oportunidade. Parecem ser muitos bons os livros. super bjo

    ResponderExcluir

Olá meu amigo, deixe sua opinião, ela é sempre bem vinda. Obrigada por visitar o blog.